24/05/2011

13 mandamentos para ser feliz na obra da casa

Fonte: Jornal Extra

Diário da reforma – Para aqueles que acompanharam os meus posts, eu tenho um recado: se vocês riram de mim, esperem até a passarem, vocês mesmos, por uma reforma. Mas se o fizerem não se acanhem. Façam como eu: venham aqui contar e divertir (e instruir) aos que estão do outro lado da tela.

Eu já comentei que tenho a filosofia de vida de fazer de um limão, uma limonada, sempre que possível. Vocês não fazem idéia do quanto isso m ajudou nesta reforma! Hoje, a pintura chegou ao fim. Deveria ter durado apenas dois dias, mas…o importante é que está tudo pronto para eu receber os móveis! Estes, eu ainda vou comprar. Como sempre, só no fim de semana, mas já estão pré-escolhidos. Por enquanto, apenas o quarto do casal e a cozinha possuem mobílias.

Com os erros e acertos desta experiência, listei 13 dicas que vou compartilhar com vocês. O número vem a calhar, pois me remete à sorte. Se vocês estiverem prestes a se aventurar, elas serão de grande valia.

Reforma na casa (Fotos: Divulgação)
Reforma na casa (Fotos: Divulgação)

1 – Obra e estresse deveriam ser sinônimos. Para burlar essa combinação, procure manter o bom humor diante das adversidades que (certamente) vão aparecer. Assim, será mais fácil encarar e solucionar os imprevistos. Além de lhe evitar rugas.

2 – Não pense que o azar lhe persegue e que os problemas só acontecem com você. Há coisas incríveis que vão acontecer, mas esteja certo de que isso se ocorre com todo mundo.

3 – Se possível, faça a reforma com o imóvel vazio. Isso lhe trará agilidade e mobilidade para deixar as chaves com os prestadores de serviço, porteiros e demais pessoas que lhe ajudarão a receber móveis, materiais, efetuar instalações, etc.

4 – Mas, se a chave da sua casa foi deixada com alguém por algum período, por mais confiável que este lhe possa parecer, mude a fechadura após a sua entrada. Seguro morreu de velho, né?

5 – Orce e pechinche o máximo que puder e sua paciência permitir. Não tenha vergonha. Eu, por exemplo, estou assustada com a minha cara de pau (e do quanto economizei com ela!). Isso porque as diferenças de valores são, em quase todos os quesitos de uma reforma, muito mais significativos do que você pode presumir.

6 – Aprenda a administrar as suas expectativas, pois os prazos quase sempre são apenas uma previsão de quando os serviços serão finalizados.

7 – Parece estranho, mas as lojas mais conhecidas foram as que mais me decepcionaram. Não subestime um serviço autônomo ou pequeno comércio, pois justamente por serem menos visados, eles tendem a ter mais primor com os seus clientes.

8 – Divida a reforma em etapas e estabeleça uma ordem de urgência para o cumprimento de cada uma delas, principalmente se você depende das mesmas para se mudar. Essa organização evitará trabalho dobrado e prejuízos.

9 – Fique atento aos desperdícios. Restos de material podem ser transformados ou mesmo vendidos para que você possa investir em outras aquisições. O escambo é uma outra ótima prática para tanto. E, relaxe, você não será tachado como “canguinha” por isso. No seu lugar, qualquer um ficará tentado a fazê-lo.

10 – Ao começar uma reforma, peça indicações aos amigos sobre profissionais como marceneiro, pintor, gesseiro, bombeiro hidráulico, eletricista, pedreiros, etc. Você nunca sabe quando precisará deles.

11 – Não haja pelo impulso. Isso vale, especialmente, na parte da decoração.

12 – Deixe a escolha dos móveis por último, pois eles podem dificultar a obra e até mesmo serem danificados por ela. Além disto, leia revistas de decoração, mas não exagere: elas podem lhe deixar indeciso demais.

13 – Curta esse momento. Pode parecer chato, mas o resultado final nos faz ter a certeza de que valeu a pena. E, pasme, você dirá para si mesmo: eu faria tudo de novo!

LEIA MAIS:

Produtos para casa com até 80% de desconto

Manutenção em dia com o kit de ferramentas básico

5 Comentários

  1. Olá Jacson, esta é uma matéria em primeira pessoa e a autora conta a experiência que ela teve durante uma obra na casa dela. É uma história em que pode-se concordar ou discordar das opiniões dela. Inclusive você pode ver em um trecho do texto em que diz que foi uma experiência dela: “Com os erros e acertos desta experiência, listei 13 dicas que vou compartilhar com vocês. O número vem a calhar, pois me remete à sorte.”Sobre a assinatura da matéria, está sim creditada à autora, inclusive com fonte: por Geiza Porto | Fonte: Jornal Extra

  2. mesmo semdo mestre de obras tb tenho os mesmo sentimentos pois estou reformando e ampliando a minha casa em brumadinho minas gerais. mais o importante é voce estar sempre otimista pois os poblemas são inevitaveis mas com doses de humor vc vence á é muito importante ter uma apoximidade com os colabradores que são a matria prima mais importante neste teu sonho brinque sorria de café da manha lanche,ouve musicas com eles esteja sempre que possivel bem proximo deles. sabe porque de tudo isto ele fazem parte do teu sonho e sentem muito importante para a realização do teu projeto. estou de braços aberto para elhes da dicas como relacionar com os colaboradoresEpero que tenho ajudado neste comentario e adiposição para orientar quem precisar o meu email martins.moacir@yahoo.com.brabraços

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.