30/10/2006

A chance de reunir romance e natureza

Fonte: O Estado de S. Paulo

Parques estão entre os programas prediletos dos casais na zona sul

Contato com a natureza e tranqüilidade no meio de uma metrópole agitada. Os parques, sobretudo Ibirapuera, Aclimação, Burle Marx e Independência, oferecem ambientes ideais para os casais. O cenário serve para namorar, conversar, trocar beijos apaixonados e até cuidar da saúde em caminhadas.

Foi no Aclimação, por exemplo, que Jussara da Silva, de 23 anos, conheceu André Freitas, de 26. Era um domingo de manhã e ela fazia caminhada. Quando terminou, começou o alongamento e o viu. “Na hora, senti frio na barriga e o coração começou a bater mais forte. Como eu sou tímida, fiquei na minha.”

Mas, quando Jussara terminou os exercícios, Freitas a abordou. “Você já fez caminhada ou vai começar?” Ela, sem graça, respondeu: “Cheguei agora.” A resposta rendeu uma hora de caminhada. “Mal conseguia andar de cansaço. Mas valeu a pena. Começamos a namorar semanas depois.”

O casal vai comemorar o primeiro Dia dos Namorados na segunda-feira. Ambos estão ansiosos e felizes. “Vamos adiantar, porque na segunda-feira não vai dar para vir aqui. Com certeza no domingo estaremos no Aclimação para celebrar oito meses juntos”, diz Freitas.

Outro lugar, quase vizinho, que deverá lotar de casais neste fim de semana é o Ibirapuera. Ali, é comum ver pares apaixonados trocando beijos nas alamedas ou deitados na grama. Rogério Garuti, de 38 anos, costuma freqüentar a área aos domingos, com Edinete Lima Martins, de 26. “Nós simplesmente adoramos namorar aqui. O local é tranqüilo e seguro. A gente fica à vontade, conversa, namora e relaxa”, afirma ele. “A gente aproveita para respirar um ar melhor e sair da loucura dos shoppings”, completa Edinete.

Já Francisco Alves Maciel, de 22 anos, e Regina Gonçalo, de 18, têm algo mais a comemorar logo na terça-feira, depois do Dia dos Namorados: um mês juntos. Eles não se conheceram no Parque do Ibirapuera, mas já elegeram o lugar como um dos mais gostosos para ficar a dois. “É um passeio perfeito”, diz Maciel.

Amigos

E de melhores amigos a namorados. Assim, é a história de Renato Carriço e Luanna Carvalho, de 17 anos. Eles se conheceram pela internet e viraram amigos. O tempo foi passando e estão namorando há seis meses. Passear pelos parques está entre os programas prediletos da dupla. “É mágico.Tem coisa melhor que ficar ao lado de quem a gente ama no meio da natureza e com sossego?”, pergunta Luanna.

Apaixonada, diz que está ansiosa e ainda não definiu o que vai comprar para o namorado. “Gosto muito dele e quero que a data seja inesquecível.” Enquanto isso, ele planejou Hopi Hari, com presente-surpresa. “Vou fazer de tudo para que seja maravilhoso.”

Em sua primeira vez juntos no Ibirapuera, Gilberto Oliveira, de 18 anos, e Flavia Moura, de 16, trocavam beijos apaixonados esta semana. Escolheram um cantinho, jogaram uma toalha na grama e aproveitaram o domingo para namorar, conversar e relaxar. “Por ser um lugar ao ar livre e sossegado, basta ficar juntinho com quem a gente gosta. A paisagem é muito bonita e vamos voltar outras vezes aqui para namorar”, adianta 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.