15/04/2014

ABC recebe mais de 20 mil novas unidades nos últimos três anos

Estudo da Lopes revela comportamento do mercado imobiliário da região

Fonte: ZAP Imóveis

As cidades da Região Metropolitana de São Paulo atraem muitos interessados em um estilo de vida com menos agitação e fácil acesso à capital. Com completa infraestrutura de lazer, serviços e transporte, a região do ABC se tornou um importante polo para o mercado imobiliário. Segundo levantamento da Lopes, a região recebeu 164 novos empreendimentos nos últimos três anos, totalizando 21.713 novos apartamentos.

ABC recebe mais de 20 mil novas unidades nos últimos três anos
Região recebeu 164 novos empreendimentos (Foto: Shutterstock)

São Bernardo do Campo é a cidade que recebeu o maior número de lançamentos, com mais de 10 mil novas unidades distribuídas em 63 empreendimentos e que totalizam VGV de R$ 3,3 bilhões. A maior parte das unidades, 58% do total lançado, têm até 69 m² de área útil. Os apartamentos entre 70 e 109 m² representam 32% e 10% são unidades acima de 110 m².

Quer receber mais dicas de decoração e mercado? Clique aqui e cadastre-se

“A proximidade da capital, contando inclusive com o fácil acesso pela Linha Verde do Metrô, potencializa a atração de interessados em morar em uma cidade mais tranquila. Além disso, os municípios do ABC ficam a poucos quilômetros do litoral,” Belmiro Quintaes, Diretor de Atendimento da Lopes.

Com 7.320 novos apartamentos distribuídos em 61 empreendimentos, Santo André somou R$ 2,7 bilhões em VGV no último triênio. Em relação à área útil, 61% das unidades medem até 69m², 28% têm entre 70 e 109m² e 11% têm mais de 110m².

“Com estoque de apenas 18%, Santo André apresenta ótima liquidez e, consequentemente, uma boa oportunidade de investimento,” lembra Quintaes. De acordo com a pesquisa, Santo André concentra o maior número de futuros lançamentos do ABC com 35 projetos previstos.

São Caetano do Sul completa o trio de cidades. Com 4.088 apartamentos distribuídos em 40 novos empreendimentos, a cidade soma um VGV de R$ 2,1 bilhões nos últimos três anos. As unidades com até 69m² também são maioria, somando 43% do total lançado. Os apartamentos com metragem entre 70 e 109 m² ganham destaque e representam 34%. Acima de 110m² são 23%.

O preço do metro quadrado é outro fator que atrai os compradores ao ABC. O preço médio de lançamento em São Bernardo é de R$ 4.960, em Santo André é R$ 5.070 e São Caetano registrou R$ 5.990. Com isso o tíquete médio da região vai de R$ 324 mil a R$ 509 mil.

Tags: abc

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.