16/04/2012

Agesc confirma aumentos para todos os consumidores de gás natural em SC

Agesc confirma aumentos para todos os consumidores de gás natural em SC

Fonte: Revista do ZAP

Consumidores residenciais, de comércios e de GNV vão pagar 13% a mais pelo combustível, enquanto indústrias terão aumento imediato de 5% e outros dois reajustes em 2012

A Agência Reguladora do Estado de Santa Catarina (Agesc) confirmou, após cinco dias de análise da proposta da SCGás, o pedido de aumento do combustível para todos os segmentos atendidos pela empresa. Os clientes residenciais, comerciais e veiculares (GNV) vão pagar 13% a mais pelo gás a partir desta segunda-feira, 16 de abril de 2012.

O setor industrial, que responde por até 82% do consumo do combustível no estado catarinense, terá um aumento de 5%, com a previsão de outros dois reajustes, também de 5%, nos primeiros dias de julho e outubro.

De acordo com o presidente da Agesc, Francisco Cardoso de Camargo Filho, os técnicos da agência concluíram que o aumento é necessário ao analisar as notas fiscais de pagamentos efetuados no primeiro trimestre de 2012 pela SCGás para a Petrobras. “Realmente houve um aumento substancial no preço da commodity (insumo) desde janeiro. Vericamos um reajuste médio de 15%”, explica.

O aumento do petróleo no mercado internacional e a variação do dólar influenciaram no aumento do gás boliviano repassado pela Petrobras para a SCGás. Desde o início de 2010 e até o final de 2011, o preço do gás natural boliviano cobrado pela Petrobras subiu 40%.

O presidente da Agesc explica que se as condições atuais – cotação do dólar e preço do barril de petróleo – se mantiverem durante o resto do ano, não devem ser aprovados novos aumentos no preço do gás natural. Mas a indústria, grande consumidora do insumo em Santa Catarina, receberia dois novos aumentos em 2012.

Para começar a valer, a decisão sobre o aumento do gás precisa ser publicada no Diário Oficial do Estado.



Leia mais:
>> Cuide bem do aquecimento a gás
>> Escolha o aquecedor certo para sua casa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.