07/11/2008

Ainda em alta, apesar da crise global

Fonte: Jornal da Tarde

De janeiro a setembro deste ano, Creci registra valorização de até 190% no preço dos imóveis

A valorização dos imóveis na Capital ainda não parou por conta da crise internacional do mercado financeiro, aponta o Creci-SP (Conselho Regional de Corretores de Imóvel do Estado de São Paulo). De janeiro a setembro deste ano, o levantamento da entidade aponta uma alta de até 187,97% no preço dos imóveis.

Essa valorização foi apontada em apartamentos em empreendimentos antigos, mas com mais de quatro unidades por andar em bairros como Bela Vista, Vila Maria, Vila Guilherme, Casa Verde e Freguesia do Ó. O valor do m² passou de R$ 527,50 para R$ 1.519,05.

Já para as casas, a maior valorização também foi nesses bairros e áreas semelhantes, com 73,45% de aumento para residências com mais de 15 anos de construção, segundo o Creci-SP. Para a entidade, o levantamento mostra que o investimento em imóvel continua sendo um dos mais seguros e rentáveis para os investidores que querem sair do mercado financeiro.

O volume de vendas também não decaiu em setembro em relação a agosto. A comercialização de imóveis usados subiu 8,99%, sendo que a forma de compra mais utilizada foi o pagamento à vista (55% do total).

Entre os modelos comercializados no mês, 29% foram apartamento de dois dormitórios nos bairro periféricos, como Limão, Liberdade, Pari, Pirituba e Penha.

As área que concentram a população com menor renda, como Brasilândia, Capão Redondo, Itaim Paulista e São Mateus também foram valorizadas neste ano, com alta de 6,21% e preço chegando aos R$ 1.250 o m². 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.