21/11/2008

Aluguel chega a dobrar em alguns bairros

Fonte: Jornal da Tarde

Imóvel que mais apresentou elevação de preço foi o apartamento de três dormitórios em locais como Pirituba, Freguesia do Ó, Rio Pequeno, Cidade Ademar e Centro

Os aluguéis na Capital passaram por um forte valorização ao longo do ano. Segundo o levantamento do Creci-SP (Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo), houve imóveis em alguns bairros que chegaram a ter o preço de locação dobrado na comparação com o aluguel cobrado em janeiro e em setembro.

O imóvel que mais apresentou elevação de preço foi o apartamento de três dormitórios em locais como Pirituba, Freguesia do Ó, Rio Pequeno, Cidade Ademar e Centro. Na comparação de setembro com o mês anterior, a valorização do aluguel foi de 26%, mas, com o preço cobrado em janeiro, a diferença é de 100% (passou de R$ 694,38 para R$ 1.390,91). Segundo a entidade, essa valorização ocorre pela oferta reduzida de imóveis para locação na Capital e pelo investimento em novos empreendimentos nessas regiões.

Nas casas a valorização foi menor. De janeiro a setembro, o preço que obteve o maior reajuste foi o cobrado pelo imóveis menores (quarto/cozinha) em bairros como Ermelino Matarazzo, Cidade Dutra, Jardim Ângela e Vila Nova Cachoeirinha, com alta de 46% (de R$ 196 para R$ 287). Na comparação com agosto, a alta é de 29%.

O número de novas locações também cresceu em São Paulo em relação ao mês anterior, com a efetivação de 3,15% contratos a mais. As casas foram a mais procuradas no período – 54,94% do total de negócios.

O levantamento ainda mostra que os 551 imóveis devolvidos nas 447 imobiliárias pesquisadas foram responsáveis por 61,91% dos imóveis alugados no período e que o índice de inadimplência dos inquilinos caiu 11,39% em relação a agosto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.