15/09/2008

Ao parcelar, é preciso estar atento ao juro

Fonte: Jornal da Tarde

Taxas podem variam de 1,89% a 3,99% ao mês

Na maioria dos parcelamentos para a compra de material de construção – com exceção apenas de parcelamento em até dez vezes em alguns cartões de crédito – há cobrança de juros na operação. Entre os produtos pesquisados pela reportagem do JT, os juros variam de 1,89% a 3,99% ao mês, dependendo de prazos e valores. Por isso, é preciso estar atento ao juro cobrado para fazer a melhor escolha na hora da compra.

Para não pagar juros, o administrador de imóveis Flávio Alonso, que está sempre reformando pois administra vários imóveis, opta pelo parcelamento nos cartões de crédito aceitos pelas redes de lojas de material de construção. “Faço uma cotação de preços e, só depois disso, faço a compra. Sempre parcelando com o maior prazo possível, mas sem juros”, diz.

A decoradora Patrícia Cunha de Oliveira também sugere aos seus clientes que parcelem as compras de material de construção. “O cliente que estou atendendo no momento é empresário e, por isso, não tem décimo terceiro. Ele prefere parcelar em quantas vezes for possível, mas sem juros”, explica. A reforma que Patrícia está fazendo é de um escritório de duzentos metros quadrados. Para o preço do material não pesar no custo final da obra, a decoradora percorre várias lojas de material de construção e faz cotação de todos os produtos que vai utilizar durante a obra. “O custo dos produtos necessários pesa principalmente no fim da obra. Por isso, é importante pesquisas para encontrar as melhores condições de compra”, completa a decoradora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.