13/05/2016

Saiba como usar o aparador na decoração

Móvel tem várias possibilidades de utilização e dá charme ao ambiente

Fonte: ZAP em Casa

Aparadores sempre tiveram ‘status’ de móveis finos, encontrados em casas ou apartamentos amplos. Mas com o passar do tempo, a peça ganhou releituras. Hoje pode ser encontrada em diversos tamanhos, feita de inúmeros materiais e acabamentos.

Apesar da popularização, sua função continua a mesma de sempre: dar praticidade e beleza ao ambiente.

+ Faça seu cadastro no ZAP em Casa e fique por dentro das últimas de decoração

+ O ZAP em Casa quer a sua opinião: clique aqui e conte o que você quer ver por aqui

O móvel é ‘democrático’. Vai bem se for destinado às áreas sociais da residência, combina em salas, varandas, e em segundo plano, corredores – quando forem largos o suficiente – e em quartos. Mas avaliar o uso do aparador é algo indispensável.

O arquiteto da Adoiz Arquitetura, Gabriel Negrão, explica que o morador deve questionar-se se há espaço e necessidade para ele. “Vale avaliar, pensar em uso e área ocupada por ele na decoração. Depois disso, no caso de um ‘sim’, basta escolher um modelo que tenha as medidas proporcionais ao ‘layout’ do ambiente”, orienta.

aparador_decor
Pensando em investir no vintage? Que tal esse aparador com uma pegada mais retrô? (Foto: Divulgação/Oppa)

O aparador e suas funções

Feito de madeira, vidro, alumínio; pintado com laca, revestido por inteiro com espelhos, couros…a lista de aparadores encontrados no mercado é ampla. Eles estão à venda em grandes e pequenas lojas de decoração, desde às mais famosas e conceituadas até às simples. E em cada ambiente da casa são usados para uma função específica.

Em uma sala de jantar, por exemplo, seu papel é servir de apoio à mesa. “Em um evento ou refeição, tudo o que não cabe na mesa vai para o aparador. Quando este tem portas e espaço para armazenamento, o nome muda e vira o conhecido buffet”, diz Negrão.

aparador_decoracao
O aparador também pode ser usado para outros objetos além de fotos (Foto: Divulgação/Fernando Jaeger)

Um aparador em um hall de entrada serve totalmente como algo estético. Está ocupando um espaço para não ter um “buraco” na área e serve para apoiar um arranjo, caixas decorativas, porta-retratos e outros objetos. Em uma sala de estar, ele também pode ter caráter estético, mas também prático. Isso acontece quando usa-se em conjunto com uma adega para vinhos, localizada abaixo dele. Na parte de cima vão algumas garrafas, ou ainda uma bandeja mais sofisticada com copos. O aparador se transforma em um bar.

Em uma varanda, ele assume as mesmas funções de uma sala de estar ou jantar. Pode ser meramente estético, com alguns arranjos, tanto como prático. Ser usado como móvel de apoio na hora de servir aquele churrasco na varanda gourmet.

Por fim, em um quarto, ou “closet”, o aparador é ‘alçado’ à penteadeira ou mesa de maquiagem. “Tantas opções fazem da peça um dos móveis mais versáteis da casa”, completa o arquiteto.

 

+ Aprenda a fazer um aparador de livros com canos de PVC

+ Entenda a diferença entre aparador, buffet e balcão

+ 4 maneiras de decorar o seu aparador

+ Aprenda como usar cortiça na decoração

+ Lareira sem uso pode ser o canto mais charmoso da casa

+ Tudo no lugar: dicas para deixar os objetos organizados

+ Confira dicas do que trazer para a casa dos Estados Unidos

+ Aprenda a usar móveis espelhados na sua decoração

+ Escadas reutilizadas têm inúmeras funções

+ Veja dicas para fazer uma decoração de hall de entrada

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.