16/06/2009

Atenção à acústica e à iluminação

Fonte: Jornal EXTRA

Cuidados evitam noites maldomidas e possíveis brigas com vizinhos devido ao excesso de barulho

Na hora de comprar ou alugar um imóvel, o tamanho e a distribuição dos cômodos são os itens prioritários para os futuros moradores. No entanto, problemas com a acústica e a iluminação da unidade podem significar muita dor de cabeça.

O arquiteto e coordenador da Câmara de Arquitetura do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Rio de Janeiro (Crea-RJ), Paulo Oscar Saad, explica que simples cuidados, como checar se o revestimento do piso é antirruído e se o prédio tem ou não uma boa iluminação natural, poderão evitar noites maldormidas e possíveis brigas com vizinhos devido ao excesso de barulho.

“Alguns prédios têm laje de gesso, em substituição ao concreto, que não funciona como isolante acústico. Assim, qualquer barulho poderá ser sentido com muita intensidade pelo vizinho.”

PADRONIZAÇÃO – Para padronizar as construções com até cinco pavimentos, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) lançou uma resolução que obriga as construtoras, até maio de 2010, a enquadrarem seus empreendimentos dentro de normas que listam preocupações com ruído, acabamento e durabilidade das edificações. O superintendente do Comitê Brasileiro da Construção Civil da ABNT, Carlos Borges, informou que a norma não tem força de lei, mas os padrões fixados pela entidade são usados como parâmetro em ações de defesa do consumidor.

Segundo Saad, a norma vai impedir a redução gradativa de custos que construtoras e empreiteiras têm implementado para reduzir o valor final do imóvel.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.