11/07/2012

Aumento de preço de imóveis usados é maior que a inflação em SP

Fonte: ZAP Imóveis
Aumento de preço de imóveis usados é maior que a inflação em SP
Imóveis usados (Foto: divulgação)

O preço dos imóveis usados e os alugueis residenciais novos disponíveis na cidade de São Paulo costuma ganhar com folga da inflação, de acordo com o levantamento do onselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (Creci-SP). Em 12 meses, de junho do ano passado até maio último, o imóvel usado teve valorização média de 25,98% e o aluguel subiu 17,86% enquanto a inflação medida pelo IPCA do IBGE acumulou alta de 4,99%.

“Imóvel sempre foi um investimento seguro, de boa rentabilidade no médio e longo, prazos, e a tendência natural de que seus preços sigam aumentando por causa do déficit habitacional ganhou agora o reforço da crise econômica que está se espraiando pela economia”, afirma José Augusto Viana Neto, presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (Creci-SP).

O Creci-SP pesquisa mensalmente os mercados de imóveis usados e de aluguel residencial e em maio constatou queda de 19,1% nas vendas na capital em relação a abril. O número de casas e apartamentos alugados cresceu 19,51% segundo os resultados da pesquisa feita com 448 imobiliárias da capital. “É sempre mais fácil alugar do que comprar”, explica Viana Neto. Ele acrescenta que “pode ficar mais difícil vender, mas imóvel perder preço ou ter o aluguel reduzido é quase impossível acontecer”.

De janeiro até maio, os estudos do Creci-SP mostram que o volume de imóveis vendidos na capital é negativo em 16,21% enquanto que o volume de novas locações mostra saldo positivo de 19,22%. “A tradução disso é que está ganhando dinheiro, quem compra para alugar, especialmente nas faixas mais demandadas, como os dois dormitórios, e em regiões com facilidade de transporte”, conta o presidente da entidade.

LEIA MAIS:

Confira dicas para não ter problema na hora de financiar seu imóvel

Assista no ZAP Imóveis como realizar a vistoria do imóvel

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.