22/05/2009

Banco Nossa Caixa analisa três empreendimentos imobiliários para o programa “”Minha Casa, Minha Vida””

Fonte: Revista ZAP

Construtoras apresentaram projetos ao banco para a edificação de casas a apartamentos em São Paulo, Campinas e Sorocaba. No total, obras englobam 1.030 imóveis

O Banco Nossa Caixa analisa o enquadramento de três empreendimentos imobiliários ao programa “”Minha Casa, Minha Vida””, lançado pelo governo federal em 25 de março. Os projetos prevêem a construção de 1.030 imóveis em São Paulo, Campinas e Sorocaba, com valores unitários de venda que variam de R$ 74 mil a R$ 125 mil. A análise do banco deve ser concluída em 60 dias.

Os imóveis poderão ser financiados por meio do programa a famílias com renda de três a dez salários mínimos (de R$ 1.395 a R$ 4.650). A Nossa Caixa utilizará sua linha de crédito junto ao FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), de R$ 300 milhões, para atender ao programa.

Um dos projetos prevê a construção, pela OAS Empreendimentos, de 299 apartamentos na zona oeste de São Paulo. Os imóveis terão dois ou três dormitórios, área de 47 ou 61 m² e preço de venda de R$ 85 mil a R$ 100 mil.

Já a Construtora Sergus deve construir 540 apartamentos em Campinas. Eles terão dois ou três dormitórios, área de 45 a 66 m² e preço de venda de R$ 100 mil a R$ 125 mil.

Em Sorocaba, a Construtora Caruso planeja a construção de 191 casas. Os clientes poderão optar por imóveis com dois ou três dormitórios, área de 47 a 60 m² e valores finais que variam de R$ 74 mil a R$ 93 mil.

A liberação dos recursos para financiamento dos imóveis ao cliente depende da aprovação pelo banco do enquadramento dos projetos no Minha Casa, Minha Vida. A análise engloba a verificação dos projetos técnicos, da viabilidade das construções, da adequação dos preços de venda dos imóveis e do atendimento à legislação vigente.

COMO ADQUIRIR OS IMÓVEIS – Após a aprovação dos projetos pela Nossa Caixa, as construtoras farão o lançamento e divulgação dos empreendimentos, de acordo com o planejamento de cada uma delas, e orientarão os interessados em adquirir os imóveis sobre como se inscrever para obter o financiamento pela Nossa Caixa.

A taxa de juros varia de 5% a 8,16% ao ano, de acordo com a renda familiar. Há ainda uma redução de 0,5 ponto porcentual na taxa de juros para cotistas do FGTS há pelo menos três anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.