28/03/2008

BB vai financiar casa própria a partir de junho

Fonte: Estadão

Para entrar no Sistema Financeiro de Habitação (SFH), segmento que usa recursos da poupança para financiar a compra de imóveis

O Banco do Brasil (BB) vai ingressar no mercado de crédito imobiliário com recursos da poupança. A estréia está prevista para junho e a maior instituição financeira do País tem planos de terminar 2008 com pelo menos R$ 1 bilhão em empréstimos voltados para a classe média. Até 2012, o BB quer abocanhar mercado dos concorrentes privados e alcançar o terceiro lugar do setor.

Após anos de espera e de uma disputa de bastidores com a Caixa Econômica Federal (CEF), o BB conseguiu ontem a autorização para entrar no Sistema Financeiro de Habitação (SFH), segmento que usa recursos da poupança para financiar a compra de imóveis. O presidente do banco, Antônio Lima Neto, comemorou. “A novidade traz expectativa de agregarmos valor ao resultado do banco e deixa o BB bem posicionado para crescer bastante nos próximos anos.”

A autorização veio com uma decisão do Conselho Monetário Nacional (CMN), que permitiu ao BB destinar até 10% dos recursos de poupança para o setor imobiliário – o equivalente a R$ 4,5 bilhões. Atualmente, o banco direciona os recursos da poupança para o crédito rural. Após a decisão do CMN, o BB aguarda a autorização do Banco Central para iniciar suas operações imobiliárias.

Classe média
A intenção do Banco do Brasil é atingir o cliente de classe média. No início, o crédito será oferecido a famílias com renda mensal superior a cinco salários mínimos (R$ 2.075). No SFH, o empréstimo será de até R$ 350 mil. A instituição acredita que os financiamentos devem ter valor médio próximo de R$ 85 mil.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.