13/02/2013

Berços infantis precisam passar pela aprovação do Inmetro

Berços infantis precisam passar pela aprovação do Inmetro

Fonte: Revista do ZAP

Comércio tem até janeiro de 2014 para se adaptar à medida. Veja os principais cuidados que os pais devem ter ao escolher um berço

No final de 2007, o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) analisou 11 marcas de berços disponíveis no mercado brasileiro. Todas foram reprovadas.Para garantir mais segurança aos pequenos e tranquilidade aos pais na hora do sono, o instituto resolveu agir.

Divulgação

Desde o início de janeiro de 2013, os berços infantis precisam obrigatoriamente ser fabricados e importados de acordo com os requisitos aprovados pela Portaria 269/2011 e devidamente registrados no instituto.

Para o comércio, o prazo vai até janeiro de 2014, quando somente os berços certificados e registrados poderão ficar à venda.


Principais cuidados que os pais devem ter ao escolher um berço:

– Observar a presença do Selo de Identificação da Conformidade do Inmetro, que deve estar exposto no berço e na embalagem do produto após o prazo de adaptação às normas.

– Verificar se as bordas e as partes salientes são arredondadas ou chanfradas e isentas de quaisquer rebarbas e arestas.

– Rótulos e decalques colados não podem ser utilizados nas superfícies internas das laterais e extremidades do berço.

– Uma vez dentro do berço, a criança não pode conseguir levantar a base do colchão ou a base do berço.

– As laterais móveis devem ser equipadas com um sistema de travamento

– As instruções de uso devem estar em português.

– Todos os berços devem ser permanentemente marcados com informações sobre razão social, nome ou marca comercial registrada do fabricante, distribuidor ou varejista, com meios adicionais de identificação do produto.

– Caso o colchão não seja uma parte integrante do berço, deverá existir uma marcação, na base do berço, recomendando o uso de colchões com espessura máxima permitida de 120mm.

Leia mais:
>> Móvel combina cadeira de balanço e berço em uma única peça
>> Berço transforma-se em cama para acompanhar o crescimento do bebê
>> Quarto do bebê deve trazer o aconchego da barriga da mamãe

Tags: destaques

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.