23/03/2010

Cartilha da CEG traz orientações para consumidor

Fonte: O Globo

RIO – Para garantir a segurança do consumidor, a CEG lançou uma cartilha com orientações sobre manutenção de equipamentos a gás, além de informações como direitos e deveres de cliente e empresa. A publicação pode ser retirada nas 14 agências da concessionária no Estado do Rio e, por meio de uma parceria com o Sindicato da Habitação do Rio (Secovi Rio), será distribuída aos síndicos.

“Hoje, 60% das ligações recebidas pela ouvidoria são de clientes que vão realizar alguma reforma em casa ou acabaram de comprar um imóvel e têm dúvidas em relação à tubulação ou à instalação de aparelhos”, diz Elizabeth Capobianco, ouvidora da CEG. -Além disso, é comum os condôminos acharem que o síndico tem responsabilidade sobre o gás. Por isso, também vamos atuar junto com o Secovi.

Para quem está de mudança e desconhece as condições do futuro imóvel, o indicado é agendar o serviço de manutenção periódica, que inclui uma vistoria nos aparelhos (aquecedor e fogão) e teste de estanqueidade na tubulação.

A ouvidora alerta ainda para uma dúvida comum do consumidor:
“A CEG não faz visita por iniciativa própria. Ela só entra na casa do cliente quando é chamada por ele. E, em hipótese alguma, o técnico pode fazer qualquer cobrança. Serviços cobrados à parte serão incluídos na conta do cliente”, diz a ouvidora.

A cartilha chama a atenção ainda para as regras de instalação, que estão disponíveis também no site da empresa (www.ceg.com.br) e, segundo a ouvidora, são deixadas de lado por muitos clientes. Os aparelhos a gás, por exemplo, devem ficar sempre próximos a janelas ou basculantes. Outra questão importante é verificar a cor da chama. Quando a combustão é correta, a chama não oscila, é silenciosa e de cor azul. Caso a chama oscile ou seja amarelada, há má combustão, o que pode ser perigoso. Por fim, o terminal de saída do gás tem que ser do tipo “T”, para evitar o retorno do gás ao interior do ambiente.

LEIA MAIS:

VEJA OS PROBLEMAS QUE A ÁGUA PODE PROVOCAR NA SUA CASA

ENTENDA O PACOTE HABITACIONAL DO GOVERNO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.