20/02/2020

Casa de madeira: conheça o projeto e suas vantagens

Valor médio do m² gira em torno de R$ 850 e habitação fica pronta em menos de um mês

Fonte: ZAP

Casa de madeira pré-moldada de 150 m² custa R$ 101.450

Casa de madeira
Casa de madeira pode ser projetada em qualquer tamanho (Fotos: Divulgação)

Construir uma nova casa pode ser caro e trabalhoso, já que envolve muita coisa como a compra de um terreno, a contratação de uma arquiteta para a produção do projeto e, por fim, a obra. Uma boa alternativa é apostar na casa de madeira pré-moldada. Elas caem bem em qualquer região e em qualquer clima.

+ Projetos de arquitetura conservam árvore dentro de casa 

+ Casa feita em impressora 3D pode virar realidade

Veja a vantagem da casa de madeira

Aconchegante, este tipo de imóvel é construído rapidamente e projetado com o gosto do cliente. São muitas opções e o valor cobrado varia de acordo com o desenho e tamanho da casa. Segundo Rodolfo Dias, vendedor da empresa BonCasa, a casa já é construída na fábrica e vai pré-moldada para o local de instalação. Um projeto de 100 m² é finalizado em apenas 15 dias.

“A casa é agradável, no inverno ela é quente e no verão se torna fresca. [O Cliente] pode montar do jeito que quiser e, se um dia quiser aumentar, é fácil de fazer por ser uma obra limpa e sem muita sujeira”, diz Dias.

Toda parte estrutural, além das paredes, é feita em madeira de lei, Peroba ou Grápia, e com acabamento em cedrinho. As paredes têm sistema de painéis, revestidas com lambri. O assoalho de madeira é colocado nas salas, quartos e corredores. O que fica por conta do comprador são os azulejos da cozinha e do banheiro. A empresa entrega, ainda, a casa envernizada, com portas, janelas, telhas e manta térmica.

Um ponto interessante é que o valor da obra, dificilmente, sai do preço inicial e do tempo indicado para construção.

++ Quer decorar a casa com móveis de madeira e deixar tudo mais aconchegante? Confira a seleção do Arkpad

Casa de madeira com varanda pode ficar um pouco mais cara
Casa com varanda pode ficar um pouco mais cara

“O cara que compra a nossa casa já sabe quanto vai gastar no final da obra. Ele consegue ter um controle melhor dos gastos. Em até trêss meses a casa está pronta”, afirma Dias.

Segundo Dias, atualmente o público que mais procura por este tipo de imóvel é da classe A, mas é viável para qualquer pessoa. Existem projetos com preço a partir de R$ 18.300 para uma moradia de 18 m². Uma casa de 150 m² custa R$ 101.450. O valor médio do m² gira em torno de R$ 850.

“O nosso cliente procura um produto nobre e tem um terreno um pouco maior. Nós atendemos em qualquer região, seja praia, cidade ou campo”, diz o vendedor.

Por ser um isolante térmico natural, a madeira dificilmente provoca incêndios, segundo Dias. O conforto é percebido através da manutenção da temperatura em qualquer época do ano. A capacidade da madeira de absorver calor é dez vezes menor do que o cimento e 40 vezes menor que o tijolo.

Paredes internas também são construídas em madeira
Paredes internas também são construídas em madeira

Já sobre os cupins, é recomendável que o solo da construção seja imunizado. Mesmo assim, a madeira utilizada é de boa qualidade, com resistência natural ao cupim, segundo o atestado do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).

Manutenção

Por lei, as empresas são obrigadas a dar cinco anos de garantia em caso de problemas estruturais. A manutenção que o proprietário deve fazer para manter a casa bem conservada é simples e não exige mão de obra especializada.

A cada dois anos é necessário passar uma lixa para tirar o brilho do verniz e aplicar uma nova mão na parte externa, por conta da incidência de raios solares na madeira. O verniz utilizado é o marítimo, que possui filtro solar e aguenta grandes pancadas de chuva em sua estrutura.

Na parte interna da casa é aconselhado que o mesmo procedimento seja executado de quatro a seis anos após a primeira aplicação.

Na parte da limpeza interna, de pisos e paredes, Dias diz que o melhor a se fazer é passar um pano úmido pela casa.

Casas de madeira pré-fabricadas
Casa com portas de vidro permite a iluminação natural

Além da construção

O proprietário fica responsável por toda a parte hidráulica do imóvel, além e outros itens. Veja a lista de coisas que não estão inclusas nos projetos da BonCasa:

Parte elétrica, hidráulica, alvenaria de banheiro, alicerce de varanda, cozinha e revestimento, material para base, areia, cimento, cal, tijolos, vidros, caixa-d´água, fossa, raspagem de assoalho, sinteco, terraplanagem e compactação do solo, embalsamento do telhado, calhas, rufos, lustres, documentação e aprovação junto ao órgão competente.

 

+ Parede torta é pepino na certa. Saiba como evitar esse problema

+ Saiba o que fazer com o entulho da obra do seu imóvel

+ Veja o que fazer se o pedreiro sumir no meio da obra

+ As 21 melhores dicas de decoração no estilo faça você mesmo

+ Veja o que você precisa saber sobre cerâmica e porcelanato para evitar problemas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.