05/04/2011

Casa em cidade serrana representa proposta de vida

Casa em cidade serrana representa proposta de vida

Fonte: Revista do ZAP

Residência permanente, erguida em condomínio de Gramado (RS), tem arquitetura inspirada no estilo americano e paisagismo com lareira e spa na área externa

Quando ainda residia no antigo apartamento, em Gramado, no Rio Grande do Sul, o casal de proprietários com duas filhas adolescentes já ansiava construir uma casa aconchegante e contemporânea em condomínio fechado na cidade serrana. Passados dois anos entre projeto e obras, a residência sonhada virou realidade no projeto arquitetônico assinado por Lívia Bortoncello, configurado com elementos inspirados na arquitetura americana.

– Eles queriam uma casa moderna que tivesse bastante luz e área de jardim livre, mas ressaltaram que não gostariam do tradicional rústico serrano. Então, fizemos um projeto em estilo americano, com telhado inclinado de concreto, molduras suaves nas janelas e pé-direito duplo no hall – explica Lívia, cuja obra foi executada pelo engenheiro Ricardo Peccin.

casa na serra pense imóveis

Com 360 metros quadrados, a moradia de alvenaria mostra reboco levemente arranhado, pintado com tinta acrílica em tom off-white. Estruturado com laje de concreto inclinada, o telhado tem cobertura com telhas planas de mesmo material, fixas em barrotilhos de madeira. Soluções para o conforto térmico da morada também foram priorizadas no projeto.

Roseiras arbustos, russelias vermelhas (conhecidas popularmente como flor-de-coral) e heras foram algumas das espécies eleitas para cobrir o muro de basalto que delimita o pátio de fundos da residência, com esquadrias do piso superior destacadas por guarda-corpo de metal.

casa na serra pense imóveis

Placas de cimento e mosaico de pedra portuguesa e basalto formam o caminho semicircular que conduz à garagem e à porta de entrada – recurso que facilita a chegada de visitantes em dias de chuva. Molduras brancas no contorno das janelas reafirmam o estilo proposto para a moradia.

– Usamos esquadrias de PVC com vidros duplos, manta térmica sob o telhado, calefação central e paredes de tijolos duplos – salienta a arquiteta.

No paisagismo criado pela arquiteta paisagista Susana Nedel, a entrada da casa é demarcada pelo caminho semicircular, de placas cimentícias e mosaico de pedra portuguesa e basalto. Com forração de grama-esmeralda, o jardim tem como estrelas do cenário plantas topiadas (podadas em formatos específicos) e coníferas, que exalam um aroma cítrico.

casa na serra pense imóveis

– Usamos plantas adequadas ao clima frio, como ciprestes velas para formar um volume com a casa e plantas podadas, como as azaleias e os buxos – diz Susana.

Contornadas por grama-esmeralda, placas de cimento de 1m x 1m compõem o piso do estar da lareira externa. Móveis de fibra sintética ampliam o conforto no jardim, adornado ainda por lavandas, jasmins, liriopes, murtas, agapantos e camélias.

Paisagem e bem-estar
– A piscina não era prioridade. Eles queriam mais espaço livre e privacidade, mas sem tirar a vista – diz a arquiteta paisagista Susana Nedel, ao explicar a escolha pelo recanto com lareira externa no pátio de fundos da residência.

casa na serra pense imóveis

Estar com lareira a gás ou sofás sob o pergolado convidam a momentos de contemplação junto ao jardim. No deque, a banheira do spa oferece espaço para pais e filhas relaxarem em família.

casa na serra pense imóveis

casa na serra pense imóveis

Estruturado em alvenaria e tijolos refratários, o aparelho a gás proporciona conforto térmico ao estar, ambientado por sofás de fibra sintética. Próximo dali, um pergolado com estrutura metálica e cobertura de vidro, de 22 metros quadrados, oferece outro espaço aprazível com sofás – próprio para os dias de chuva.

casa na serra pense imóveis

Na lateral, outro pergolado, com deque de madeira ipê, acolhe um spa para o relaxamento da família e uma mesa para degustar o chá ou café da manhã junto à natureza. Ali, uma pequena horta com ervas, hortaliças e temperos exala agradável aroma.

casa na serra pense imóveis

Panos de vidro nas laterais da porta garantem luminosidade ao hall, ambientado com espelho bisotado e pufes Barcelona.

casa na serra pense imóveis

Lambri branco em MDF laqueado na parede e pé-direito duplo são detalhes na entrada da casa que caracterizam o estilo americano proposto pelo projeto arquitetônico.

Visual clean
Em sintonia com a pintura da fachada da residência, a área interna também mostra a neutralidade do branco no projeto de interiores da arquiteta Lívia Bortoncello. No living de 60 metros quadrados, a cor surge na marcenaria, no piso e no teto para contribuir com a luminosidade desejada pelos proprietários.

– O casal queria uma área social com ambientes agradáveis e bastante iluminada. Então, trabalhamos com esquadrias amplas, tons suaves e integramos o estar com o jantar. E, por se tratar de uma moradia serrana, projetamos a lareira para aumentar o conforto em dias frios – explica Lívia.

casa na serra pense imóveis

Em contraste com o predominante branco – presente no porcelanato do piso, no mármore da lareira e na laca da marcenaria –, as paredes mostram tom fendi-claro, conferindo aconchego visual aos espaços. Feita em conjunto com a proprietária, a decoração combina peças contemporâneas, como a mesa de centro de vidro e aço inox, com outras clássicas, a exemplo das poltronas de seda rústica também utilizadas no estar.

casa na serra pense imóveis

Para não deixar o assador ou o gourmet sozinhos na hora do preparo do assado ou das receitas, churrasqueira, cozinha e copa se integram em um ambiente único, de 25 metros quadrados. Ali, o destaque fica por conta da mesa Saarinen de mármore branco e das cadeiras de couro preto. Na cozinha, o branco e o aço inox enfatizam o visual limpo, em parceria com os puxadores de alumínio tipo cava.

Leia mais
>> Luxo de decoração na Serra Gaúcha
>> Compre uma casa em Gramado

Tags: arquitetura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.