12/08/2004

Como conservar as características originais do mármore?

Fonte: Editoria Zap


Zap o especialista em imóveis

“Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura!” Esse ditado popular faz sentido quando se trata da ação da água em certas pedras como, por exemplo, o mármore. Segundo informações técnicas de especialistas em pedra, a rocha é um agregado natural de um ou mais minerais. Mármores são rochas resultantes do metamorfismo dos calcários e dos dolomitos. Sua coloração é bem variada, podendo ser branca, rósea, acinzentada, esverdeada, avermelhada e até mesmo preta.

A aplicação do mármore é belíssima, tanto que é visível o aumento desse uso em projetos arquitetônicos e de decoração, mesmo levando-se em consideração seu elevado custo. O mármore está presente em fachadas, pisos, escadas, colunas e até em móveis mais sofisticados.

Então, como manter a boa aparência desta pedra? Sem sombra de dúvida, são necessários cuidados especiais para a manutenção da aparência e para uma correta conservação.

Segundo a arquiteta Clarissa Strauss, ao contrário do que se faz usualmente, o mármore jamais pode ser lavado com água. Por ser um material poroso, exige um cuidado especial com líquidos, principalmente gordura ou óleo. Esses dois itens, caso entrem em contato com as peças e não forem removidos rapidamente, podem ocasionar o aparecimento de manchas que podem se tornar permanentes. A sujeira é uma grande ameaça para acabar com o brilho da pedra. “Existem no mercado empresas especialistas em impermeabilizar a pedra. Não se pode tratar o mármore como se tivesse lavando um chão comum, com água e sabão”, alerta Clarissa.

“Para a conservação de móveis, pisos e peças em geral em mármore costumamos indicar detergentes especiais, desenvolvidos com componentes específicos para este fim. Existem produtos nacionais e importados que podem ser comprados nas grandes redes de material de construção”, aconselha B. Mioni, diretor da Tamboré Mármores, uma das maiores marmorarias do Brasil.

Mioni alerta ainda para a não utilização de material corrosivo ou abrasivo como cloro, ácidos ou água sanitária na manutenção do mármore. “È extremamente nocivo à manutenção da pedra”, adverte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.