04/07/2021

Como ter e cuidar de um jardim em casa

Para os apaixonados pela jardinagem ou os que desejam manter contato com a natureza, ter jardim em casa conquista cada vez mais adeptos. Projeto que ganha força na pandemia, quando a presença em casa está maior e a necessidade de ter verde por perto. Por ter vários tipos de vegetação e materiais, é possível adaptar o jardim a qualquer tipo de imóvel. Também é viável minimizar o trabalho de manutenção para os que querem beleza na decoração, mas não pretendem se dedicar tanto aos cuidados das plantas.

Leia também

+ Banheiro para relaxar: como tornar este espaço em uma sala de banho?

+ Sofá-ilha vem ganhando espaço na integração de ambientes

+ 9 livros sobre organização que você precisa ler

O jardim em casa virou tendência, principalmente por ser fácil de encaixar na decoração. “Ele traz vida, aconchego, ar puro, humaniza o espaço e se adequa facilmente a qualquer tipo de decoração, um complemento do charme “, afirma Liliane Dantas, arquiteta da empresa Retrofit.

Jardim em casa: jardim vertical e vasos são opções para o paisagismo em ambientes internos
Jardim em casa: jardim vertical e vasos são opções para o paisagismo em ambientes internos

Para os que desejam ter plantas em casa, o jardim é adaptável a todo tipo de imóvel. “O lugar não necessariamente precisa de luz e circulação de ar. Existem vários formatos de jardim e tipos de vegetação que se adequam em vários espaços de casa ou apartamento. É preciso definir o local para decidir a tipologia do jardim e a vegetação. Se for em lugar que não leva iluminação direta ou indireta, precisa de plantas específicas para essa área. Se for local que pega luz, pode ter trabalho diferenciado porque consegue mais flexibilidade com a vegetação”, ressalta.

Varanda costuma receber jardim vertical e pode ter variedade de plantas
Varanda costuma receber jardim vertical e pode ter variedade de plantas

O local onde o jardim será instalado vai determinar o tipo de planta. “Na área externa, são muitas opções. E no interior tem leque grande no paisagismo, com jardim vertical ou vasos. Hoje se usa muito samambaia porque fica encorpada rapidamente, mas precisa de sol e muita água. A costela de Adão deixa luxuoso. A jiboia vive na sombra. São muitas opções para adequar aos espaços”, pontua. A variedade de materiais também é outra vantagem. “Tudo vai de acordo com a arquitetura da casa e o gosto do cliente. Materiais usados no mix da decoração têm variedade, como pedras naturais, madeiras, porcelanatos “, destaca.

As pessoas que optam pela beleza, mas não querem se dedicar à manutenção também podem ter jardim. “Muita gente se preocupa que vai ter que cuidar, molhar, cortar. Mas pode fazer irrigação automatizada ou jardim vertical com reservatório integrado com bomba interna para apartamentos antigos, além de um leque de facilidades para evitar ao máximo a manutenção. E as plantas vão estar sempre robustas, bonitas e vivas”.

Leia mais

+ Tudo que um banheiro acessível precisa

+ 4 erros para evitar na entrega das chaves

+ Veja o que é necessário para criar um lar acessível para idosos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.