01/04/2009

Condomínos de SP estão preocupados com o meio ambiente

Fonte: Editoria Zap

Construídos sem projetos de sustentabilidade ambiental, prédios começam a se adaptar ao conceito de green buildings

Os condomínios de apartamentos da cidade de São Paulo lançados em anos anteriores agora começam a se preocupar com medidas que contribuam com a preservação do meio ambiente. Dados recentes apontam que 15 síndicos de edifícios residenciais gerenciados pela Lello, se inscreveram no programa de certificação ambiental lançado pela empresa no ano passado.

Construídos sem projetos de sustentabilidade ambiental, diferentemente do que acontece atualmente com os novos empreendimentos, esses prédios vêm atentando para medidas que auxiliem a economizar fontes de energia. Entre as ações desenvolvidas estão programas de utilização racional e reuso da água, armazenamento adequado de óleo, coleta seletiva do lixo e alternativas para economia de energia elétrica, além de obras e reformas que possam  garantir maior acessibilidade a condôminos com problemas de locomoção.

O programa da administradora, realizado em parceria com o Instituto Falcão Bauer de Qualidade, é o primeiro no país a certificar condomínios residenciais e comerciais que realizam ações em prol do meio ambiente. Também são incentivadas ações como individualização de medição de água e gás, gestão dos resíduos de construção e reformas e treinamentos ambientais, dentre outras.

Foram dois anos de intensa pesquisa para desenvolver um programa de proteção da biodiversidade mais completo e inédito do Brasil na área imobiliária. Tanto a Lello quanto o Instituto Falcão Bauer irão oferecer assessoria aos síndicos para implantação dos projetos, avaliando as instalações do empreendimento como, por exemplo, o sistema de iluminação e o controle do consumo de água.

A administradora fará um mapeamento completo dos condomínios, apresentando todas as opções de sustentabilidade que podem ser implantadas e mantidas. Já o Instituto Falcão Bauer irá elaborar um diagnóstico completo, contemplando as necessidades apontadas para a implementação do programa em cada empreendimento. Síndicos, condôminos, funcionários e fornecedores serão treinados sob supervisão dos técnicos do instituto, que emitirá o selo Renove Sustentabilidade Condominial assim que o condomínio cumprir as etapas da certificação.

?A preservação, conservação e recuperação do meio ambiente são condições essenciais para a qualidade de vida do planeta. E os condomínios precisam, mais do que nunca, ser envolvidos nesse esforço?, afirma a gerente do produto na Lello Condomínios, Raquel Tomasini.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.