22/11/2017

Confira o passo a passo para fazer a lavagem perfeitas das roupas

Processo vai desde a separação das roupas, passando pela lavagem, o produto ideal, a secagem no varal até a hora de passar ferro

Fonte: ZAP em Casa

Se você pensa que lavar a roupa é apenas jogar tudo que está sujo até encher a máquina, melhor repensar a maneira de limpar suas peças para preservá-las por mais tempo. Para fazer uma boa lavagem e deixar as roupas realmente limpas, existe todo um processo desde a separação das peças sujas, passando pela lavagem em si até chegar à forma de secar.

+Baixe o App de Faça Você Mesmo do ZAP em Casa

+ Siga nosso perfil no Pinterest

Pode parecer um pouco mais trabalhoso, mas, no final das contas, é tudo muito simples, fácil de entender e prático de realizar. Basta seguir algumas dicas para ter roupas limpas e cheirosas, com aspecto de novas e sem manchas por mais tempo.

(Foto: Shutterstock)

O que é preciso ter em mente é que não existe muita dificuldade, mas é preciso saber que lavar a roupa vai além de colocar água e sabão. Ou seja, ter organização é o segredo para um bom resultado final. “O termo lavar, nesse contexto, engloba local para armazenar roupa suja, lavar a roupa, secar a roupa, local para armazenar roupa limpa e, por último, passar roupa. Como qualquer outra tarefa doméstica, é preciso uma sequência de pequenas outras tarefas para que a roupa seja lavada da forma correta”, explica Camila Teixeira, personal organizer e dona da Organizze Consultoria.

Preparação

Tudo começa com a separação das roupas. “Existem dois tipos de separação: enquanto as roupas estão sujas e vão ser lavadas e quando as roupas já estão limpas e vão ser passadas. Para as roupas sujas, se puder, tenha cestos diferentes. Tenha um cesto de roupa grande e dois pequenos.

como lavar roupas
(Foto: Shutterstock)

O grande você usa para calças jeans e roupas de tecido natural, os outros você usa para meias/peças intimas e roupas sintéticas. Mas é claro que isso pode variar dependendo do estilo de vida e estilos de roupas de cada pessoa”, acrescenta.

Antes mesmo de jogar as roupas na máquina, alguns passos devem ser levados em consideração. O primeiro é fazer uma revisão nas peças. “É bom remover todas as coisas que estão na roupa, olhar se tem alguma coisa dentro dos bolsos e fechar o zíper e botões”, orienta Lucy Mizael, personal organizer, facilitadora doméstica e proprietária do site Dicas da Lucy, onde dá dicas de organização. Ela acrescenta ainda a importância de verificar se as peças estão muito sujas ou manchadas. “Neste caso, deve-se fazer uma pré-lavagem, ou seja, a remoção de manchas e sujeira excessiva”, diz. Outro ponto importante é que não se deve querer aproveitar uma única lavagem para limpar a maior quantidade de peças possível. “Na hora de colocar a roupa pra lavar, não pode encher a máquina demais para ela ficar lotada e, na hora que encher de água, ficar sobrando roupa boiando”, complementa.

como lavar roupa
(Foto: Shutterstock)

O próximo passo é colocar as peças dentro da máquina, o que também exige atenção. Nem todas as roupas devem ser lavadas juntas. Fazer uma triagem pode evitar problemas com as peças, como estragar ou manchar. “Na hora de ir para máquina, deve-se sempre categorizar pelo tipo: algodão, jeans, roupa de cama, roupa de banho, sintéticos, etc. Se você separa os tipos bem direitinhos, não terá problema, pois é só escolher o tipo de lavagem para cada tipo de roupa. As máquinas hoje são bem modernas e você só precisa girar o cursor para o tipo de tecido que está colocando dentro. A máquina faz o resto”, diz Camila Teixeira. A cor também é importante e não deve-se misturar roupas claras de coloridas para evitar manchas.

Lavagem

Preste atenção no tipo de peça que deseja lavar para não estragar na hora da limpeza. De uma forma geral, a maioria das roupas pode ser lavada na máquina. Porém, se restar dúvidas, a etiqueta pode ajudar a esclarecer.

como lavar roupa
(Foto: Shutterstock)

“Uma boa forma de evitar acidentes com as roupas é aprender o significado dos desenhos nas etiquetas. Pode parecer difícil, mas não é. Os desenhos são bem lógicos. Se você não costuma tirar as etiquetas, o trabalho fica mais fácil. Mas, se você é do tipo que gosta de arrancar a etiqueta, sugiro que leia atentamente, aprenda o significado dos desenhos e disponha no seu guarda roupas quais peças se encaixam em cada perfil de lavagem”, aconselha Camila.

Ainda que seja uma peça mais delicada, a máquina tem um modo de lavagem para este tipo de roupa. “Neste caso, pode colocá-la dentro de um saquinho próprio pra lavar roupa ou dentro de uma fronha e amarrar pra que a peça não saia. O indicado é colocar pra lavar na máquina em um modo mais delicado. Se sua máquina não tiver um modo mais delicado, pode colocar pra lavar em roupas de bebê ou em centrifugação mais lenta e menos agressiva”, afirma Lucy Mizael. De toda forma, ela aconselha a lavar a mão tecidos como la, linho, tricô e seda pura. Preste atenção ainda para as roupas que a etiqueta orienta a lavar a seco.

Produtos

como lavar roupas
(Foto: Shutterstock)

Outro cuidado importante é que tipo de produto deve ser usado em cada tipo de roupa. “Primeiro é preciso ter cuidado com os alvejantes. “Os com cloro (água sanitária) podem até mesmo respingar e manchar as roupas coloridas”, diz Camila Teixeira. Atenção ainda para o tipo de sabão que se usa na máquina ou nas lavagem à mão. “Melhor do que dissolver o sabão em pó em água e colocar na máquina ou na sua roupa é usar o sabão líquido. O sabão em pó demora para dissolver e, se isso não for bem executado, sua roupa pode ficar com manchas de sabão em pó. Para roupas bem delicadas lavadas à mão é melhor utilizar um sabão específico para elas”, acrescenta.

No varal

Alguns truques na hora de estender a roupa no varal podem minimizar o trabalho para passar as peças depois – e até gerar economia de energia por usar menos o ferro. O primeiro deles é sacudir bem a roupa ao tirar da máquina para alinhar as fibras do tecido e depois pendurar no varal no meio. “Se tirar a roupa da lavadora, sacudir, alinhar as fibras, pendurar pelo meio, evitar pregador, pendurar camisas no cabide e lençol de elástico pelo meio, já consertando as dobras dele e alisando bastante, se fizer tudo isso e pendurar com paciência, vai evitar de passar muitas peças”, lista Lucy Mizael. “Blusas, camisas, t-shirts, vestidos podem ser secos no cabide no varal. As peças de tecido sintético (poliéster, por exemplo) não será preciso passar nada. As de tecido natural (algodão, por exemplo) não ficarão tão amassadas e o trabalho será bem menor”, detalha Camila Teixeira.

(Foto: Shutterstock)

Outra dica diz respeito a tecidos mais delicados. Lã, linho, tricô, seda pura e tecidos muito nobres não podem ser muito torcidos e devem ser secados sem pegador. E algumas dessas peças devem secar na horizontal, em cima de uma toalha ou em um varal de pé, que dê para colocá-las na horizontal. Já nos dias frios, deixe um intervalo entre uma vareta e outra para que o vento circule melhor. E evite deixar roupas que soltem tinta perto de outras porque pode encostar e acabar manchando.

Para passar

Depois de deixar as roupas bem limpinhas e cheirosas, manter uma organização na separação também vai ajudar na hora de passar as peças. A dica é separar roupas bem fininhas e delicadas, que são passadas em baixas temperaturas, de roupas de tecido bem espesso como calça jeans, que são passadas em temperaturas mais altas. “Com o ferro na temperatura fraca, você começa passando as roupas fininhas e vai subindo a temperatura para roupas mais grossas. Quando chegar na calça jeans, o ferro vai estar bem quente, mas as calças aguentam”, conclui Camila Teixeira.

+ Saiba como usar a máquina de lavar corretamente

+ Veja como usar a secadora de roupas

+ Saiba como tirar mancha de ferro de passar roupa em casa

+ 5 dicas para conservar a roupa de cama

+ Veja cinco dicas para passar roupa com menos esforço

2 Comentários

  1. Adoro cuidar das minhas roupas, e uma dica que aprendi é colocar um pouco de Bicarbonato de sódio com o sabão em pó , para clarear as roupas brancas, o resultado vai te surpreender. Fica a dica.

  2. Olá, Sandra! Obrigada por compartilhar com a gente essa dica! Continue acompanhando o #ZapemCasa! Todo dia uma dica especial para você. Confira: http://bit.ly/ZapemCasa 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.