05/03/2012

Conheça a história da Vila Mariana

Fonte: ZAP

Vila Mariana, tradicional bairro paulistano, reúne imóveis modernos e tradicionais. A área abriga importantes pontos de São Paulo, como a Cinemateca Brasileira e o Parque do Ibirapuera.

Região que abriga um misto de casas antigas e prédios modernos, a Vila Mariana é um bairro tradicional de São Paulo. Localizada na Zona Sul, a área fica perto do centro da cidade. Com população de 344.632 habitantes (dados divulgados pelo IBGE) e, segundo a subprefeitura do município, os moradores são responsáveis por uma renda média em torno de 3,6 mil mensais. Este índice está acima da média da capital paulista. São diversas as ofertas de imóveis no bairro da Vila Mariana.

Parque Ibirapuera, na Vila Mariana, tem pista de cooper, quadras esportivas, museus, ciclofaixa e auditório, além de outras atrações (Fotos: Divulgação)

O preço do metro quadrado é de cerca de R$ 7 mil, segundo estatísticas do ZAP Imóveis. A Vila Mariana é responsável por abrigar importantes pontos do município tanto no setor cultural e de lazer quanto de saúde e educação. O Parque do Ibirapuera, que é o mais frequentado de São Paulo, está na região há 58 anos, oferecendo uma área verde onde as pessoas podem andar de bicicleta, correr, ou apenas relaxar. Lá é possível até mesmo visitar os museus de Arte Contemporânea (MAC), Arte Moderna (MAM) e o pavimento de exposições Oca.

Está presente também na Vila Mariana a Cinemateca Brasileira, que reúne um acervo rico das obras cinematográficas nacionais. Além dela, os moradores também podem aproveitar o Centro Cultural São Paulo e outras atrações culturais.

Cinemateca Brasileira foi fundada em 1940

Quem deseja morar no bairro pode contar com ótima infraestrutura. Além de escolas públicas, o sistema de ensino da região conta com tradicionais colégios, como o Bandeirantes, Etapa, Arquidiocesano, Liceu Pasteur e Benjamin Constant, entre outros. Lá também está localizada a UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo) e a ESPM (Escola Paulista de Propaganda e Marketing). Na área da saúde, há o Hospital Dante Pazzanese de Cardiologia e a Associação Pró-Hope Apoio à Criança com Câncer.

Próxima às Avenidas Paulista e Vinte Três de Maio, a Vila é de fácil acesso para quem utiliza o transporte público e particular. As ruas Domingo de Moraes, Sena Madureira e Vergueiro são as principais vias da região e facilitam o tráfego dos moradores ao centro e outros locais. A linha azul do metrô serve o bairro com as estações Paraíso e Ana Rosa (também na rota verde), Vila Mariana e Santa Cruz, que é onde fica o principal shopping da área.

De acordo com a subprefeitura, a história do bairro Vila Mariana SP começou a ganhar força em 1887, quando o Matadouro Municipal (local onde hoje abriga a Cinemateca) começou a funcionar. Isso gerou um aumento na população no bairro, além da chegada das oficinas de Ferro Carril e da fábrica de fósforos. Em 1928 o Instituto Biológico foi construído e somente concluído em 1945. Sua principal finalidade era controlar as pragas que infestavam os cafezais, o que incentivou o agronegócio na região.

A origem do nome do bairro tem diversas teorias. Uma delas é de que seria a junção do nome da esposa Maria e da mãe Anna do coronel da guarda nacional Carlos Eduardo Petit. Outra possibilidade pode ter vindo do nome da esposa de Kuhlman, engenheiro que foi responsável pela construção da estrada de ferro na região.

LEIA MAIS:

Morumbi une o requinte da região com pontos importantes da cidade

Confira a história e as curiosidades do Tatuapé

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.