26/05/2010

São Paulo: Conheça a história da Barra Funda

Região é famosa por ser o endereço do Memorial da América Latina, projetado por Oscar Niemeyer

Fonte: ZAP

O bairro da Barra Funda nasceu do loteamento da fazenda Iguape. Logo após a divisão da área, os italianos começaram a povoar a área. Uma das razões para a imigração era a construção de uma ferrovia no local. O nome do distrito surgiu porque no passado, a barra do rio Tietê na região era muito funda.

O progresso da Barra Funda SP está estreitamente ligado à construção de estradas de ferro para o escoamento da produção do café na cidade. Por conta disso, tornou-se um bairro operário, que abrigava trabalhadores ao longo dos trilhos da ferrovia, que ensacavam as mercadorias produzidas pelas fábricas.

Outro fator que colaborou para o desenvolvimento do bairro foi a construção do Parque Industrial das Fábricas Reunidas Francisco Matarazzo, instalado no bairro vizinho da Água Branca, em 1920.

A região sofreu um forte abalo com a crise de 1929, que resultou no fechamento de empresas  e na saída de famílias endinheiradas para outros locais. Após há alguns anos, muitas casas deram lugar a estabelecimentos comerciais e prédios de negócios se instalaram nas redondezas.

Memorial da América Latina (Foto: Divulgação)
Memorial da América Latina (Foto: Divulgação)

INFRAESTRUTURA: O bairro conta com o Terminal Intermodal Barra Funda que reúne todas as modalidades do transporte coletivo (metrô, trens, transporte rodoviário, ônibus municipais e intermunicipais). Também abriga o estádio do Parque Antarctica e o centro de treinamento (CT) do time de futebol Palmeiras e São Paulo. O Shopping West Plaza e Bourbon Shopping são os dois principais centros de lazer e compras da região. Além disso, a Universidade Estadual Paulista (Unesp) e a UniNove têm grandes unidades no bairro.

TURISMO: Na divisa do bairro Barra Funda SP com Perdizes está o Parque da Água Branca. Além da área de lazer, o local tem espaços infantis e para a terceira idade, museu de arqueologia e, nos finais de semana, mantém uma programação permanente, incluindo festas folclóricas, exposições de animais, leilões e rodeios.

A Barra Funda é famosa também por ser o bairro das escolas de samba Camisa Verde e Branco e Mancha Verde, e pelo Memorial da América Latina, projetado por Oscar Niemeyer. O complexo é constituído por um acervo permanente de obras de arte, biblioteca e eventos itinerantes.

(Foto: Divulgação)
Galpões desocupados estão sendo ocupados por grandes empreendimentos (Foto: Divulgação)

MERCADO: Pesquisas apontam que a valorização de terrenos na região estourou. De acordo com a Associação de Moradores da Barra Funda, um terreno que, há dez anos, custava R$ 50 mil, hoje está em R$ 200 mil.

Como o distrito possui enormes galpões desocupados e a Prefeitura ainda autoriza grandes empreendimentos na região, o mercado definitivamente aposta na Barra Funda como o bairro paulistano da vez.

São Paulo: Conheça a história do Jardins

São Paulo: Conheça a história do Brooklin

São Paulo: Conheça a história do Paraíso

São Paulo: Conheça a história do Ipiranga

 

 + Quer receber mais dicas de decoração e mercado? Informe seu nome e e-mail no espaço para comentários desta matéria. Os dados não serão publicados nessa página


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.