24/08/2011

Conheça as regras para uso de churrasqueira em condomínios

Fonte: ZAP Imóveis

Confraternizar com amigos na churrasqueira do condomínio exige respeitar algumas normas. Alguns condomínios, por exemplo, cobram uma taxa para que as pessoas utilizem a churrasqueira. Por isso, é importante saber que o preço a ser cobrado deve ser decidido em assembleia, na convenção ou no regimento interno.

(Foto: Divulgação)
Alguns condomínios cobram uma taxa para que as pessoas utilizem a churrasqueira (Foto: Divulgação)

Além disso, o uso da churrasqueira deve ser solicitado ao síndico com antecedência para que haja um controle nas reservas. Alugar a churrasqueira para pessoas que não sejam moradoras não é uma prática comum e que deve ser evitada. E os moradores inadimplentes com a mensalidade condominial podem perder o benefício de usufruir desta área comum do prédio.

Segundo a advogada Evelyn Roberta Gasparetto, se a churrasqueira for alugada e ocorrer depredação, o condomínio poderá cobrar do morador que está locando e em caso de negativa do pagamento, poderá até mesmo entrar com uma ação judicial contra o infrator. Qualquer outro morador que venha a se sentir prejudicado por conta da utilização da churrasqueira, poderá também requerer seus direitos em relação àquele que o prejudicar.

A profissional explica ainda que é importante constar na convenção o número de vezes que cada morador possa utilizar a churrasqueira por mês, para que não haja um monopólio. “Todos os moradores têm que ter direito a utilização do bem comum, não podendo ser o mesmo restrito a alguns moradores”, orienta a advogada, que é coautora do livro “Administrando Condomínios”.

Tem que ser respeitado o horário e o barulho que poderá vir a ser feito. Além disso, é importante respeitar a quantidade de pessoas para frequentar a churrasqueira, ter bom senso de que os convidados não poderão adentrar em outros locais fora da churrasqueira, tais como piscina, saunas e etc. E somente sob a permissão do condomínio, as crianças poderão usar o playground, ou ainda, o sanitário do salão de festas, caso não tenha um independente para a churrasqueira.

LEIA MAIS:

Assistentes sociais ajudarão mutuário a se adaptar à vida em condomínio

Verticalização atinge todo o País e 1 em cada 10 brasileiros já mora em prédios

4 Comentários

  1. Acho que morar num condomínio é pior que numa selva cheia de feras. Quero casa e não clube.Bobagens só para aumentar as taxas e aumentar os abusos nas bebidas e barulho.Quem quer lazer que vá procurar um clube.Sou contra mesmo lazer e moradia juntos.Só dá confusão, sujeira e bagunça, pois o brasileiro é egoísta e sem educação para o convívio social.

  2. Concorco plenamente em todos os sentidos com a amiga Sandra Bellucco, pois passo pelo mesmo problema no meu. Acostumada em casa e morando há anos em apartamento, nunca vi algum condômino seguir as regulamentações como deveria, se é que tem alguma que ensine o “bom senso”, “educação”, etc..Por isso frequento meu clube e faço todo tipo de festa, churrasco, lá!

  3. É por essas e outras que moro em casa. Já morei em aptº e me enchi de ter que reservar churrasqueira. Na minha casa faço o churrasco na hora q/me der vontade e não estou sujeiro a regras condominiais esdruxulas. Morar em aptº só em outra encarnação e olhe lá. Bom sendo acima de tudo!!

  4. Você compra um apartamento com todos os itens de lazer incluso, paga mais caro por isso, sim porque se fosse sem área de lazer seria mais barato, depois reclama de ter um condomínio completo com toda infraestrutura. Sinceramente não entendo esse povo….. O Brasileiro não é civilizado? Morar em um condomínio e ter que além de pagar a taxa condominial pagar também um clube extra? …… Existem moradias para todos os gostos e todos os bolsos, procure a que melhor lhe atenda, se não gosta de confraternizações de vizinhos se muda para uma casa ou sítio. Nunca more em aptº caso não goste de pessoas, crianças, animais de estimação, barulho e confraternizações nas dependências do condomínio, procure uma casa assim cada um viverá feliz da sua maneira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.