31/07/2013

Consumidor deve estar preparado para gastar com itens essenciais que não vêm em imóveis novos

Consumidor deve estar preparado para gastar com itens essenciais que não vêm em imóveis novos

Fonte: Revista do ZAP

A dica é verificar se tudo que foi prometido pela construtora está no contrato

Ao comprar um imóvel novo, as pessoas costumam focar os esforços e guardar dinheiro para as parcelas do financiamento. Os mais ansiosos se antecipam e planejam a compra de móveis e artigos de decoração. Mas é importante reservar parte do dinheiro para adquirir itens funcionais que geralmente não acompanham o imóvel, como lâmpadas, luminárias, azulejos, assento de vaso sanitário e box de banheiro.

 imóvel novo

 

Para a arquiteta Alessandra Padovan, o acabamento depende de cada construtora. Não há uma regra em relação a isso. Algumas oferecem piso somente na cozinha e no banheiro, outras, em todos os cômodos. A cuba da pia, a bancada e o chuveiro também variam conforme a empresa. Lâmpadas são comuns apenas na sacada, para manter o padrão. Assentos de vasos sanitários e box de banheiro ficam a cargo do proprietário.

“Quanto maior o padrão do empreendimento, menos coisa vem dentro. As pessoas trocam esses itens e assim se evita o desperdício. Elas não querem ter um apartamento exatamente igual ao do vizinho. É um conceito de exclusividade.”

Para que o consumidor se programe e saiba o que terá de comprar, a arquiteta recomenda pedir uma lista detalhada de todos os itens incluídos no apartamento antes de fechar o negócio. Alessandra cita, por exemplo, que apenas a bancada de granito ou mármore e a cuba de pia da cozinha sai em torno de R$ 1,6 mil.

Outro item importante é a pintura. A arquiteta explica que os apartamentos são entregues pintados, porém com as paredes e teto brancos. Por isso é comum as pessoas pedirem para mudar as cores, principalmente das paredes.

A diretora do Sindicato de Habitação (Secovi) de SC, Marli Dallamaria, explica que em alguns estados as construtoras costumam entregar os imóveis com acabamentos do banheiro e móveis planejados de cozinha, mas é importante que o cliente verifique se tudo que foi prometido consta no contrato para não haver surpresas. Vai depender do projeto e do memorial descritivo da obra. Assim, se for prometido algo, a empresa responsável terá de cumprir.

 

Leia mais:
>> Veja dicas para organizar o orçamento doméstico e conquistar a casa própria
>> Regras para detalhar as características dos imóveis entram em vigor em julho de 2013
>> Especialistas explicam as diferenças entre as áreas total, útil, comum e privativa em apartamentos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.