04/02/2009

Conta de luz está mais cara no interior de SP

Fonte: Jornal da Tarde

Reajuste das tarifas de energia de cinco distribuidoras do interior foi aprovada ontem pela Aneel

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou ontem reajuste das tarifas de energia de cinco distribuidoras do interior de São Paulo. O aumento, cujo porcentual varia conforme a concessionária, já está em vigor e se aplica às contas de luz de 360 mil clientes. As cinco distribuidoras atendem, juntas, a 39 municípios paulistas, três cidades do Paraná e dois municípios de Minas Gerais.

As tarifas da Companhia Jaguari de Energia (CJE) foram reajustadas em 8,67% para as residências e em 9,80%, em média, para as indústrias. No caso da Companhia Luz e Força Mococa (CLFM), a alta é de 4,77% e 7,7%, respectivamente.

A CPFL Leste Paulista teve suas tarifas reajustadas em 7,27% para as residenciais e em 18,76% para as indústrias. Já as tarifas da Companhia Sul Paulista de Energia (CPFL Sul Paulista) subiram 8,88% e 12,48%.

Por fim, a Companhia Luz e Força Santa Cruz (CLFSC) vai cobrar 14,62% a mais das residências e 5,69% das indústrias. O principal fator para os reajustes foi a alta do custo da energia da usina de Itaipu, cotada em dólar.

LEIA MAIS:

Produtos que fazem bem ao meio ambiente e ao bolso

Imóveis mais baratos e que não agridem o meio ambiente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.