15/04/2009

Crédito imobiliário cai 11% em fevereiro, diz Abecip

Fonte: Agência Estado

No primeiro bimestre, o valor financiado aumentou 1,55%, enquanto o volume caiu 4,72%

São Paulo – O financiamento imobiliário com recursos da poupança caiu 11% em fevereiro ante o mesmo mês do ano passado, para R$ 1,742 bilhão, segundo a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). Em volume, a retração foi de 12,08%, para 16,609 mil unidades. No acumulado do primeiro bimestre deste ano, o valor financiado aumentou 1,55%, para R$ 3,635 bilhões, enquanto o volume caiu 4,72%, para 34,269 mil unidades.

Nos dois primeiros meses de 2009, o crédito imobiliário concedido a pessoas físicas para a compra de imóveis cresceu 39,5%, sendo que em fevereiro a expansão foi de 32,3%. No acumulado dos últimos 12 meses encerrados em fevereiro, foram financiadas 297,9 mil unidades, totalizando R$ 30,08 bilhões, considerando pessoas físicas e jurídicas.

BRADESCO – O Bradesco, um dos principais bancos no mercado de crédito imobiliário, ainda estuda qual será a sua estratégia para o financiamento de imóveis para a baixa renda. A definição depende de esclarecimentos do programa “Minha Casa, Minha Vida”, lançado no fim do mês passado pelo governo federal, e que tem como objetivo financiar a construção de 1 milhão de habitações, sendo que a maior parte dos benefícios é destinada ao público com renda de até três salários mínimos.

“Para entrarmos na baixa renda temos que discutir como vai ficar o seguro garantia”, disse o vice-presidente executivo do Bradesco, Norberto Pinto Barbedo. Ele lembrou ainda que há dúvidas sobre como será feita a habilitação para prefeituras e governos estaduais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.