13/02/2015

Cresce o número de pessoas que acreditam na queda dos preços dos imóveis em 2015

Maioria dos brasileiros (44%) aposta na redução dos valores

Fonte: ZAP Pró

A quantidade de pessoas que acreditam na queda dos preços dos imóveis nos próximos 12 meses subiu de 40% para 44% na pesquisa Raio-X FipeZap, divulgada nesta semana.

Queda no preço dos imóveis em 2015
Maioria dos brasileiros esperam queda nos preços dos imóveis em 2015 (Foto: Shutterstock)

+ Caixa sobe juros do financiamento imobiliário com recursos da poupança

+ Ferramenta informa o preço estimado do seu apartamento

A porcentagem de potenciais compradores que apostam na estabilidade de preços passou de 32% para 30%. Já os que esperam um aumento caiu de 28% para 26%.

O levantamento – que é feito a cada três meses- apontou ainda que mais da metade das pessoas que pretendem comprar imóveis (88%) creem que os preços estão altos ou muito altos. Apenas 8% consideram os valores razoáveis, enquanto 2% acham que estão baixos ou muito baixos. 1% não soube opinar.

Além disso, a minoria (13%) dos entrevistados que querem comprar imóveis nos próximos meses disse que faz questão de casas ou apartamentos novos, enquanto 38% apontam que preferem os usados. Para 50% dos compradores, essa questão não tem importância.

Dos imóveis comprados nos últimos 12 meses, 61% eram usados e 39%, novos.

Confira dados completos da pesquisa:

 

*Fonte: ZAP Pro

 

 

+ É possível transferir o financiamento imobiliário para outra pessoa

+ Vai comprar sua casa própria? Saiba como baratear o financiamento

+ Antecipar a quitação do financiamento imobiliário requer atenção

+ Vai comprar seu primeiro imóvel? Saiba que documentos precisa apresentar

+ Entenda quais são os fatores que influenciam no preço do imóvel

+ Governo anuncia novas medidas para financiamento de crédito

+ Cinco dicas para quem vai comprar um imóvel como forma de investimento

 

 

 + Quer receber mais dicas de decoração e mercado? Informe seu nome e e-mail no espaço para comentários desta matéria. Os dados não serão publicados nessa página