18/11/2015

Decoração pode driblar crises alérgicas típicas da primavera

É possível fazer a decoração ser bonita e funcional para os que não suportam poeira e ácaros

Fonte: Revista do ZAP

Principais cuidados devem ser com a escolha dos tecidos de revestimento e a limpeza dos artigos

A primavera é associada às flores, à beleza, à renovação. Mas, para os alérgicos, ela também pode significar um período de crises, espirros e dores de cabeça. A polinização das flores, além da alternância entre dias chuvosos e outros muito secos, deixam as condições do ambiente mais propícias aos problemas das vias respiratórias, segundo o pneumologista João Geraldo Simões Houly, do hospital paulistano Santa Paula.

Quem tem alergia, precisa optar por um adecoração mais clean, para evitar o acúmulo de poeira em objetos e tecidos (Fotos: Shutterstock)
Quem tem alergia, precisa optar por uma decoração mais clean, para evitar o acúmulo de poeira em objetos e tecidos (Fotos: Shutterstock)

+ Mofo e bolor: Como prevenir estes problemas em casa?

+ Conheça 10 truques que facilitam a limpeza da casa

 

Apesar disso, alguns cuidados na hora de decorar a casa dos alérgicos podem diminuir as chances de crise. Mas, afinal, como fazer a decoração ser bonita e ao mesmo tempo funcional para os que não suportam poeira e ácaros?

Para a arquiteta Arabella Galvão, o mais importante é a escolha dos materiais de móveis e objetos. Para ela, o ideal é escolher os tecidos lisos e laváveis. “É quase impossível evitar o pó, por isso, facilitar a limpeza é o melhor caminho”, justifica.

+ Aproveite a mudança de estação para organizar o armário

No caso de móveis que não são de tecido, a arquiteta lembra que já existem técnicas de fabricação de chapas de MDF ou MDP (placas de fibra de madeira) com revestimentos que inibem a proliferação de fungos e bactérias. “Não se elimina a necessidade de limpeza dos móveis, mas essa limpeza acaba sendo mais eficaz e duradoura, o que é uma vantagem para o caso de alérgicos”, pondera.

 

As cortinas devem ser preferencialmente leves, para facilitar a lavagem frequente
As cortinas devem ser preferencialmente leves, para facilitar a lavagem frequente

Cortinas

Segundo Arabella, as cortinas devem ser preferencialmente leves, para facilitar a lavagem frequente. “Pode-se usar um dispositivo de fixação móvel como o trilho suíço, com rodízio de presilhas que facilitam a retirada”, sugere. Mas, por causa do tamanho dessas peças, Ricardo Monteiro, gerente de uma lavanderia, alerta que às vezes é necessário levá-las a uma empresa especializada em lavagens.

+ Cortinas, sofás e tapetes necessitam de limpeza duas vezes por ano

“Tecidos grandes impedem a lavagem normal na máquina doméstica, podendo causar a quebra do equipamento”, afirma Monteiro. Ele recomenda que as cortinas sejam limpas com o aspirador de pó, nos momentos normais de higienização da casa, e a cada seis meses sejam levadas à lavanderia. O processo nesses estabelecimentos proporciona uma secagem mais completa do que a obtida quando a peça é estendida no varal, além de evitar que o sol desbote os tecidos.

Por praticidade, Arabella comenta que muitas pessoas preferem as persianas às cortinas comuns. Mas a arquiteta lembra que esse tipo de utensílio deve ser limpo todos os dias, e que muitas vezes acumula mais pó, o que é ruim para os alérgicos. Além disso, as persianas horizontais devem ser higienizadas aleta por aleta, “o que é muito chato”. A persiana vertical, que por outro lado é mais fácil de limpar, “dá um visual muito comercial, sendo desaconselhável usá-las em dormitórios”.

 Alguns cuidados na hora de decorar a casa dos alérgicos podem diminuir as chances de crise
Alguns cuidados na hora de decorar a casa dos alérgicos podem diminuir as chances de crise, como a escolha dos tecidos e tapetes

Tapetes

A sugestão da arquiteta para os tapetes é escolher os de trama fechada, sem pelos, o que além de facilitar a limpeza diminui o acúmulo de poeira. Para os espaços das crianças, pode-se optar pelos modelos em EVA, que além de fáceis de lavar dão um colorido especial para o canto dos pequenos.

A limpeza, da mesma forma que com as cortinas, é feita regularmente com o aspirador, mas não é aconselhável usar a máquina de lavar, de acordo com Monteiro. Além do peso dos acessórios, o excesso de sujeira acumulado pela exposição constante é outro fator que faz dos tapetes mais indicados para as lavanderias. Outro aspecto a ser levado em consideração é a secagem, que quando feita ao sol costuma demorar e pode levar ao aparecimento de manchas, bolores e odores.

+ Veja como preservar o sofá de couro

Almofadas e colchas

No caso das almofadas, a recomendação de Monteiro segue sendo o aspirador, além de lavagens sem periodicidade fixa, apenas de acordo com a quantidade de sujeira acumulada. Já as colchas, segundo o gerente da lavanderia, merecem limpeza especial a cada dois ou três meses. Em ambos os casos, ele alerta que a secagem inadequada pode gerar mofo, machas, odores e até ferrugem. Monteiro acrescenta, ainda, que as colchas devem ser trocadas com frequência.

 Alérgicos podem utilizar impermeabilizantes nos sofás, para diminuir o acúmulo de poeira entre as fibras do tecido
Alérgicos podem utilizar impermeabilizantes nos sofás, para diminuir o acúmulo de poeira entre as fibras do tecido

Outras dicas

– Alérgicos podem utilizar impermeabilizantes nos sofás, para diminuir o acúmulo de poeira entre as fibras do tecido, já que o revestimento não pode ser tirado para lavagem;

– Mau cheiro e bolor, segundo Monteiro, sempre saem em lavagens especializadas, ainda que às vezes seja necessário realizar o processo mais de uma vez;

– Em locais com muita umidade, pode-se usar produtos antimofo, que vêm em potes e em opções com ou sem aromatizador, para evitar o aparecimento de mofo ou odores nos itens guardados;

– Sempre que possível, peças pouco usadas devem ser colocadas em ambientes arejados, mas sem luz solar direta, para respirar.

* Com informações do Donna ZH Online e do hagah PR

 

+ 19 formas de usar o bicarbonato de sódio como aliado na faxina

+ Saiba como limpar diferentes tipos de piso

+ Conheça 10 truques que facilitam a limpeza da casa

+ Saiba como acabar com as formigas da sua casa

+ Veja seis dicas para ter uma casa mais fresca

+  Umidade nos armários: saiba como evitar e tratar

+ Veja cinco dicas para passar roupa com menos esforço

+ Saiba como criar um spa caseiro para relaxar após um dia cansativo

+ Confira um guia com 28 dicas práticas para organizar a casa

+ Dicas caseiras ajudam a cuidar das roupas sem precisar da lavanderia profissional

 

+ Quer receber mais dicas de decoração e mercado? Informe seu nome e e-mail no espaço para comentários desta matéria. Os dados não serão publicados nessa página

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.