09/10/2017

Decoração tropical: a próxima tendência para a décor da sua casa

Veja dicas para aderir ao estilo que tomou conta do Pinterest

Fonte: ZAP em Casa

Não é porque o verão chegou ao fim que o clima tropical precisa acabar. Levar itens coloridos e divertidos para dentro de casa pode fazer com que a estação mais quente do ano esteja sempre por perto e ainda faz com que a sua decoração fique super atual, já que itens como flamingos, abacaxis, folhagens e cores fortes como rosa pink, amarelo e azul turquesa são uma forte tendência do design de interiores.

+Baixe o App de Faça Você Mesmo do ZAP em Casa

+ Siga nosso perfil no Pinterest

Para aderir, é indicado apostar pesado nas estampas, que segundo a arquiteta Vanessa Chieregato são o principal destaque do estilo: “não é preciso ter tanto receio com seu uso, papéis de parede, cortinas, sofás e poltronas são itens onde se pode usar e abusar de estampas, ou caso opte por algo menos ousado, existem diversas peças decorativas que também se encaixam; peças que possuem o próprio formato ou que levam estampas características, como almofadas, mantas, colchas, tapetes e etc”.

A natureza é de fato a maior referência da décor tropical, mas móveis infláveis, neon em abundância, penteadeiras espelhadas, acrílico colorido e poltronas de Rattan também podem ser protagonistas e chegam como dicas da arquiteta Renata Bertoni, do escritório RB Archdesign.

Vale ressaltar que atualmente os itens podem ganhar nova roupagem. O abacaxi, que vem direto das tendências anos 90, por exemplo, pode ser um novo adorno com banho de dourado ou cores metálicas, conforme explica Renata.

As possibilidades são inúmeras, mas é importante entender que, independente do estilo escolhido para a décor, o excesso é sempre um vilão. Por isso, é válido tomar cuidado com o uso abusivo das cores mais presentes na décor tropical, que são fortes e podem roubar a cena, tornando o ambiente exaustivo.

Outro receio que muita gente tem ao aderir ao tropical é pelo perigo de infantilizar o ambiente, mas quanto a isso, Vanessa tranquiliza: “o estilo não traz consigo tão forte o ar da infância – que visa mais as cores primárias, as formas mais simples -, mas sim o da brincadeira com a natureza, que é bastante interessante. A dica é usar e abusar mesmo, pois a intenção é justamente essa ‘brincadeira’; essa leveza e paz que traz um ambiente tropical”.

Mesclar as principais referências dessa tendência com outros estilos é também uma forma eficaz de fugir da infantilização. O segredo para isso é basicamente utilizar uma base de cor em comum entre as estampas, texturas e móveis que serão misturados. De acordo com Renata Bertoni, “essa é a era do ‘Mix and Match’”, portanto, vale deixar o medo de lado e entrar com tudo no estilo tropical.

 

2 Comentários

  1. Sou apaixonada por decoração! Gostaria de ter um trabalho relacionado a isso e poder ter a minha casa linda! Porém… Não há oportunidades… Eu era gerente De uma loja que fechou aqui em Brasília. Mas me mudaria de cidade hoje se arrumasse um local novo! Parabéns pelo trabalho que fazem! Pelas dicas!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.