11/12/2013

Design nacional e circulação com vista caracterizam escritório de advocacia

Design nacional e circulação com vista caracterizam escritório de advocacia

Fonte: Revista do ZAP

Projeto de reforma em firma de Porto Alegre aposta na geometria, contemporaneidade e equilíbrio estético em sua nova sede

Quem acha que escritório de advocacia é monótono não conhece a nova sede desta tradicional firma de Porto Alegre. Pelas mãos dos arquitetos Felipe Pacheco e Juliano Dors, o projeto de reforma de assumida inspiração modernista é uma mescla de soluções que priorizam a funcionalidade e valorizam o design nacional por meio de peças de autores renomados.

Escritorio-advocacia-decoraçao


Por isso não é exagero dizer que o resultado eleva o local ao patamar de apuro visual de alguns dos maiores escritórios do ramo na Europa e nos Estados Unidos.

Já de saída, a planta em formato de L com quase mil metros quadrados de área – um andar inteiro em prédio novo no bairro Auxiliadora – foi reformulada. Para fugir da tradicional concepção de sala, divisória e corredor, os autores subverteram a ordem: a circulação é pelas fachadas, com entrada da luz natural, permitindo aos visitantes e aos cerca de 70 funcionários desfrutar de uma vista 360º da Capital.

“A alternativa para não poluir ou esconder os vidros foi alocar a circulação no perímetro, desvinculando os elementos das esquadrias do edifício, o que nos permitiu liberdade maior na disposição dos escritórios e das necessidades internas”, diz Juliano.

Também ganharam destaque as seis salas de reuniões multimídia com dimensões, formatos e propósitos diferentes. Com a valorização do entorno, no miolo estão os espaços que não precisavam de luz natural e têm uso menor, como arquivo e biblioteca.

Detalhes da área de uso comum

Teto plano e piso reto ressaltam o perfil do projeto, sendo que os dois pilares em concreto aparente que ladeiam a recepção de 50 metros quadrados caracterizam o detalhamento da escola moderna. Também chama a atenção o piso de chapas hexagonais de basalto tear, que lembram o concreto.

Escritorio-advocacia-decoraçao


Clique aqui e veja mais fotos

“Queríamos que o revestimento gerasse impacto como o protagonista na entrada”, detalha Juliano sobre o material aplicado em todo o piso da área pública do escritório.

É sobre a pedra e os dois tapetes persas que estão móveis de design assinado como a poltrona Oscar, de Sergio Rodrigues, e os bancos Mass, de Jader Almeida, entre outros.

“Optamos por móveis de designers tipicamente brasileiros para o cliente se sentir em casa já na chegada. Esta foi a ideia: é uma recepção, mas uma recepção com cara e jeito de sala de estar”, conclui.

Leia mais:
>> Com espaço para dormir, comer e trabalhar, escritório modular é perfeito para workaholics
>> Reforma atualiza casario secular em escritório de Porto Alegre

Tags: arquitetura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.