11/05/2019

Dia das mães: mulheres com filhos representam grande parte das buscas por imóvel em São Paulo, mostra pesquisa

Pesquisa realizada pelo Grupo ZAP analisou a atuação, o perfil e as motivações das mães de São Paulo na busca por um novo imóvel

Fonte: ZAP em Casa

O Dia das Mães acontece no próximo domingo (12) e, como sempre, o mercado imobiliário não deixou uma data tão especial de lado. Para comemorar, o Grupo ZAP decidiu pesquisar a atuação das mães da cidade de São Paulo na busca por um novo imóvel.

Segundo o estudo, nos últimos seis meses o grupo formado por mães representou 37% do público que buscou por um imóvel com intenção de compra. Em relação a aluguel, as mães são um pouco mais atuantes, representando 39% das buscas por imóveis para locação.

Pensa em contratar um serviço de segurança privada para a sua rua? Veja se vale a pena!

Dia das Mães
As motivações por trás das buscas realizadas por mães estão relacionadas com os filhos (Foto: Shutterstock)

A pesquisa também mostrou a intenção das mães na busca por um novo imóvel e descobriu que as motivações são muitas, mas sempre relacionadas ao bem-estar da família. De acordo com os dados colhidos, 31% das mães que se enquadram no perfil de compra buscam por um novo lar motivadas a encontrar um imóvel maior e que acomode bem os filhos.

Na busca por aluguel, as motivações se mantêm: 28% para morar em um imóvel maior, 20% para morar próximo ao trabalho e 15% próximo à escola dos filhos. Quanto ao tipo de imóvel, ambos os perfis são categóricos em afirmar que a casa é o modelo mais desejado, representando 58% para as que querem comprar e 61% para as que preferem alugar.

Brasileiros gastaram US$ 2 bilhões em imóveis na Flórida apenas em 2018, mostra pesquisa

Perfil

Dia das Mães
O perfil das mães que buscam por imóveis é bem variado e diverso (Foto: Shutterstock)

O estudo também analisou o perfil das mães que buscam ativamente por um novo imóvel. Em relação às que compram, 20% fazem parte da geração Y (18 a 34 anos), 62% da geração X (35 a 54 anos) e 18% da geração Baby Boomers (55 anos ou mais). Além disso, 70% são casadas, 18% divorciadas ou viúvas e 12% solteiras. Atualmente, 45% residem em imóvel próprio (quitado ou financiado), 45% em imóvel alugado e 9% em imóvel cedido.

As mães que buscam por um imóvel intentadas em alugar, por outro lado, se dividem em 28% da geração Y, 56% da geração X e 16% da geração Baby Boomers. Quanto ao estado civil, 60% são casadas, 23% divorciadas ou viúvas e 17% solteiras. Nos momento da pesquisa, 72% residiam em imóvel alugado, 22% em próprio e 5% em imóvel cedido.

Veja como se certificar de que o prédio pelo qual você se interessou é regularizado

Continue acompanhando novidades do mercado imobiliário aqui no ZAP em Casa e fique preparado para encontrar aquele imóvel dos sonhos. Feliz Dia das Mães!

Aprenda a fazer um cabideiro de parede usando uma escada:

+Saiba o que fazer para não cair em golpes na hora de comprar um imóvel

+Saiba como fica o financiamento pelo ‘Minha Casa, Minha Vida’ em caso de perda de emprego

+Incorporadora, imobiliária e construtora: quais as diferenças?

+Saiba como descobrir se a imobiliária por onde você está adquirindo um imóvel é confiável

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.