03/02/2010

Dicas para deixar os ambientes mais frescos no verão

Fonte: O Globo

Com alguns ajustes na decoração, a casa pode ficar mais arejada na estação mais quente do ano. Confira as dicas dos arquitetos

(Foto: Divulgação)
Arquitetos apostam no uso de tons neutros, pisos frios e cortinas térmicas (Foto: Divulgação)

Rio de Janeiro – No verão, os espaços com ar condicionado são os mais disputados. Mas esta não é a única solução para deixar os ambientes fechados mais fresquinhos. Algumas adaptações na decoração podem ajudar a mantê-los arejados na estação mais quente do ano. Arquitetos apostam no uso de tons neutros, pisos frios e cortinas térmicas. Além disso, o morador pode tomar algumas medidas para proteger os espaços do calorão desse período.

De acordo com o arquiteto Duda Porto, o mármore pode ser uma boa opção de piso para quem quer dar uma refrescada no ambiente. O material é fácil de limpar, durável e não absorve calor. Além disso, está sempre na moda.

Lâmpadas dicróicas devem ser evitadas. No lugar disso, a dica é usar iluminação indireta com lâmpadas fluorescentes super 83, que têm um tom amarelado, mas não esquentam. As cortinas das janelas que recebam maior incidência de sol devem estar fechadas durante o dia. Atualmente, há modelos de cortinas feitos com tecido térmico, que filtra raios ultravioletas. Nos estofados, no lugar de tecidos pesados, como veludo e lã, prefira os leves, como o algodão. Se possível, com cores claras.

“O ideal é ter uma ventilação cruzada. Se o imóvel tiver janelas que permitam que o ar circule, deixe-as abertas. O ambiente ficará arejado. E lembre-se que o ar quente sempre sobe: quanto mais altas forem essas passagens de ar, melhor”, acrescenta Duda Porto.

Tapetes felpudos são inimigos de quem sofre com o calor em casa. É bom retirá-los nesse período ou optar por modelos que não esquentem. O arquiteto Rômulo Castro sugere o uso de tapetes com lascas de bambu, que não carregam o ambiente.

As fontes de água também ajudam a refrescar o ambiente. Mas seria preciso algo grande para ter realmente um frescor significativo. De qualquer forma, ter o barulho de água corrente por perto dá a sensação de se estar próximo a uma praia ou cachoeira.

Quem não quiser comprar uma, pode juntar numa vasilha uma bomba de aquário e pedras de sua preferência e montar a sua.
Plantas nesse período também são bem-vindas. Aliás, criar um clima da natureza nessas horas é uma boa e refrescante opção. O morador pode fazer hortas em casa, quem sabe na cozinha, ou jardins de inverno. Tudo isso ajuda a criar um ambiente mais arejado.

LEIA MAIS:

FECHADO OU ABERTO, VARANDA ASSUME DIFERENTES PAPÉIS: DE ÁREA DE LAZER E EXTENSÃO DA SALA

EMPRESA DESENVOLVE SISTEMAS DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM NOVAS CASAS DA FILADÉLFIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.