30/03/2007

Em busca dos juros mais baixos

Fonte: Jornal da Tarde

Com tantas ofertas, gaste sola de sapato e procure a instituição que ofereça opções vantajosas

Eduardo Nicolau/AEZap o especialista em imóveisNa hora de financiar um imóvel, a regra é a mesma: compare preços como se fosse comprar um eletrodoméstico

A oferta para a concessão de empréstimo para a aquisição da casa própria é grande. Mas é importante que o aspirante a proprietário faça uma pesquisa criteriosa em todas as linhas para garantir um bom negócio.

Nos bancos públicos, como a Caixa Econômica Federal e a Nossa Caixa (CEF), os valores se tornam mais atrativos para quem procura imóveis de até R$ 100 mil e ganha até R$ 4.900 ao mês. Para essas linhas, as taxas de juros são bem menores – de 6% a 10,16% ao ano. Mas, na CEF, a vantagem é ainda maior, pois o mutuário pode financiar o valor total do imóvel, e, quem ganha até R$ 1.875 ao mês, ainda tem um subsídio em forma de desconto na compra. Essa linha está suspensa por enquanto na Nossa Caixa, mas os funcionários públicos têm desconto de cerca de um ponto percentual nos juros.

Já, entre os bancos privados, quem oferece a menor taxa é o Santander Banespa: 7,95% até o 36º mês, subindo para 12% nas demais parcelas. O que se observa, comparando as ofertas desses bancos em relação ao ano passado é um aumento no prazo de financiamento que esticou de 15 para 20 anos.

O porcentual do valor financiado também subiu. A maioria concedia empréstimo de no máximo 70%. Agora – exceto o Unibanco – todos ampliaram para 80%.

Quem não gosta de lidar com taxas, juros e indexadores, deve ficar atento. Essas taxas são o que incidem sobre o valor total do financiamento e vão fazer com que o valor da dívida seja maior ou menor. Portanto, é importante gastar um pouco de tempo para encontrar a linha de financiamento que se encaixe no orçamento.

Quem preferir pagar um mesmo valor de prestação do começo ao fim, pode optar pelas parcelas fixas – modalidade que ganhou força no fim do ano passado e já virou produto em diversos bancos. Com esse tipo de empréstimo, com juros pré-fixados, o mutuário tem a vantagem de o valor não mudar mesmo que a economia sofra um revés. Essa segurança em um financiamento evita surpresas no futuro.

O Santander Banespa foi o primeiro a oferecer taxas pré-fixadas. Desde o lançamento, há um ano, 30% dos contratos fechados pela instituição referem-se ao plano SuperCasa20, que tem prazo de 20 anos, juros de 14% e financia a partir de R$ 40 mil.

Consulte linhas de financiamento

BANCO REAL

Grande São Paulo: 3553-4058
Demais regiões: 0800 286 0909

SANTANDER BANESPA

Capitais: 4004-3535
Demais regiões: 0800 7023535

BANCO DO BRASIL

Capitais: 4004-0001
Demais regiões: 0800 7290001

BRADESCO

Capitais: 4004-4436
Demais regiões: 0800 7224436

CAIXA ECONÔMICA

0800 5740101

HSBC

Capitais: 4004-3991
Demais regiões: 0800 7283991

ITAÚ

Capital (SP): 4004-7051
Demais regiões: 0300 7897051

NOSSA CAIXA

0800 55 3525

UNIBANCO

Capitais: 4002-0030
Demais regiões: 0800 7223030

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.