22/10/2008

Empréstimo: cresce procura por linhas de crédito que têm automóvel como garantia

Fonte: O Globo

Para ter acesso ao financiamento, o interessado tem de estar com o carro quitado

Rio de Janeiro – Em meio à turbulência do mercado e à falta de crédito em bancos e financeiras, especialistas em finanças pessoais dizem que a melhor opção é reduzir gastos e evitar o endividamento. Mas, se a despesa é inevitável, a solução para obter crédito com juros mais baixos pode estar nos empréstimos tendo o carro como garantia.

Mesmo depois subirem devido à crise internacional, as taxas destas linhas são semelhantes às do crédito com desconto em folha. Porém, mais baratas, por não oferecerem risco para os bancos: os juros passaram, em média, de 2,5% para até 3,1% ao mês. O custo do cheque especial e do empréstimo pessoal de bancos e financeiras chega a 11,48% mensais.

Desconhecida de grande parte dos consumidores, a modalidade – conhecida como refinanciamento de automóveis e Crédito Veículo Próprio, dependendo da instituição – vem crescendo. Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Unibanco, Santander, HSBC, Itaú, Finasa (controlada pelo Bradesco) e PanAmericano já oferecem a linha. Segundo dados do BB, a média de operações mensais passou de 286, no ano passado, para 336, este ano. Em 2007, o volume liberado na linha foi de R$ 32,735 milhões. Este ano, até setembro, o valor chegou a R$ 23,054 milhões.

Para ter acesso ao financiamento, o interessado tem de estar com o carro quitado (ou seja, totalmente pago). O limite de empréstimo em geral varia de acordo com o ano do automóvel. Se tiver até cinco anos ou menos, o banco financia até 90% do valor; de seis a dez anos, até 40%. Os prazos chegam a 36 meses. Além disso, é necessário estar com os documentos do veículo em dia. Vale lembrar que, em caso de inadimplência, o devedor perde o automóvel.

“A hora não é para gastar. Deve-se evitar o crédito para o consumo, pois ninguém sabe o futuro. A desaceleração global da economia pode comprometer a geração de empregos. Mas há quem precise de crédito e, no caso, o ideal é buscar taxas mais baratas, como a de refinanciamento de veículos”, diz a economista Myriam Lund, professora de finanças da Fundação Getulio Vargas.

2 Comentários

  1. tenho um uno vivace basico 2012, e gostaria de fazer um emprestimo, usando o meu carro como garantia !como devo proceder /

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.