>

18 Comentários

  1. Sempre acompanho as reportagens do ZAP IMÓVEIS, bastante interessantes mas, morar perto desses locais, hospitais, farmácias, bancos e supermercados, acredito que trás mais problemas que conforto.

  2. Bom Dia,Somando-se a tudo já comentado, não devemos esquecer do transito, segurança, índices de criminalidade, densidade demográfica, hospitais, laboratórios, delegacias policiais, escolas, universidades, conservação de bens públicos tais como praças, ruas, avenidas, etc, etc, etc…

  3. Parabéns, gostei imensamente como foi exposto este tema sobre fatores que……por favor enviem para o meu e-mail.grata DORA

  4. Pleno acordo comas as considerações dos colegas acima. Porem gostaria de alertar aos compradores sobra a qualidade do imóvel ( internamente).Por exemplo: O comprador deve aprender a exigir especificação técnica do que é aplicado à obra, tais como: Materiais do sistema hidráulico, elétrico, pisos, portas e janelas etc.Quero dizer que não se compra sómente posições e localizaçõesEng Rubem Vaça

  5. Na minha opinião 2 fatores que também influenciam: estado de conservação do imóvel, e o fato do imóvel já dispor de armários nos quartos, banheiros, cozinha,dentre outras cosias que poderão significar economia para o comprador.

  6. As informações são valiosas para aqueles que sonham em ter o seu imóvel próprio.Gostaria de saber mais sobre a bolha imobiliária, já que os valores dos imóveis estão em descompasso com os salários dos brasileiros e estamos prestes a ter uma recessão após a copa do mundo, além dos altos impostos cobrados pelo governo.Recentemente tivemos um aumento acima da inflação e aumento de salários do povo pela Prefeitura de Florianópolis, fato aprovado pelo Ministro do STF Lewandoswiski.Li alguma coisa que o Exmo Sr Juiz do STF Joaquim revogou as aprovações dos aumentos de Joaçaba-SC e outro município de SP.

  7. Bom Dia,Excelente matéria, e os comentários são um complemenento para a mesma. Parabéns.

  8. Continuo a elogiar o pessoal da Zap, pois as reportagens aqui disponíveis são indispensáveis para as pessoas acertarem na procura do seu imóvel. Mas, tenho algo para colocar da experiencia que obtive ao anunciar pelas imobiliarias o nosso imovel a venda. Se você NÃO MORA no imovel que vai vender, tudo bem, não haverá problemas, mas morando nele e tendo que receber as pessoas que querem visitá-lo é estafante demais…Principalmente quando o corretor não se digna a voltar para você e dizer qual foi o parecer do visitante. VOCÊ FICA NUMA EXPECTATIVA MUITO GRANDE. Este comportamento dos profissionais deveria mudar. Num mercado tão disputado como é o do imobiliário, o corretor “que luta para ser reconhecido”… COMO DIZ NA INTERNET, deveria ter este discernimento, principalmente, EDUCAÇÃO, para com o proprietario que confiou nos bons serviços anunciados pela imobiliaria que ele trabalha. Este meu caso é particular, posso crer que não são todos que agem desta forma. Mas daquelas que escolhi, infelizmente, deixou a desejar. Obrigada por sua atenção.

  9. No meu caso eu tenho que levar em conta o acesso rápido, alguns serviços como supermercados, farmácias,etc., pois atualmente não estou mais dirigindo.

  10. Hoje o principal item valorizado é a localização, pois a cada dia os imóveis diminuem a metragem e são cada vez mais caros.Não observei nenhum comentário quanto ao tamanho do imóvel isso não seria um item iportante?

  11. Bom dia, pessoal.Acabei de ver o artigo acima e gostaria de saber quais as fontes de pesquisa utilizadas para essa simulação. Quais os dados utilizados para dizer que a localização representa 1/4 do valor do imóvel, por exemplo. Fiquei curiosa, pois trabalho com pesquisas e gostaria de saber mais detalhes sobre os dados, uma vez que vou utilizá-los em um material para um cliente meu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.