18/03/2011

Equipamentos de áudio e vídeo permitem criar um cinema em casa

Equipamentos de áudio e vídeo permitem criar um cinema em casa

Fonte: Revista do ZAP

É possível adaptar um home cinema ao design da sala da casa e deixar o sistema em harmonia com o ambiente

Quem nunca quis unir a emoção de uma sessão de cinema com o conforto do sofá de casa? Pois investir em equipamentos de áudio e vídeo permite que isso se torne realidade. Com a compra das caixas de som e da televisão certa, é possível assistir ao filme preferido e ainda transformar o design e a decoração do ambiente.

Ao contrário do que muitos pensam, home theater e home cinema não são coisas diferentes, mas complementares. Os equipamentos surgiram do desejo das pessoas de terem em casa um sistema de som e imagem que fosse similar ao que se encontra no cinema. No entanto, quando alguém vai a uma loja e compra um home theater ele está adquirindo apenas uma das partes mais importantes para ter um home cinema. Sendo assim, os consumidores agora também partem em busca de telas especiais, para completar o projeto.

home cinema pense imóveis

Quem investe em um projeto como esse pode ter ainda uma biblioteca particular de áudio e vídeo a disposição para aproveitar os sinais digitais disponibilizados por empresas de TV por assinatura. Segundo Francisco Marengo, diretor técnico da empresa Prime Home, de Blumenau, Santa Catarina, com a facilidade de compra de televisores de LED, LCD e plasma, as dúvidas ficam concentradas na área de áudio.

Para montar um home cinema, o sistema mais comumente comercializado é o 5.1, que é dividido em cinco caixas de som e um subwoofer. Das cinco caixas, três são frontais e duas surrounds traseiras, que são responsáveis pela sensação de ambiência do que está passando na TV. “Os sistemas de home theater possuem processamentos de áudio e vídeo para melhorar a qualidade e decodificar os melhores formatos das mídias gravadas”, explica Marengo. Outro fator importante é que, para o melhor aproveitamento do home theater são necessárias algumas adaptações no ambiente – não necessariamente na mobília.

home cinema pense imóveis

De acordo com Marengo, as duas caixas frontais e a central são responsáveis pelos sons diretos do que você está assistindo e devem estar posicionadas na frente do sofá. As caixas laterais, ou traseiras, são responsáveis pelos sons de ambiência, como um carro passando na rua. O ideal é que elas estejam na altura do ouvido e posicionadas ao lado do local onde as pessoas estarão sentadas, para que não entrem em conflito com os sons diretos. Já para o subwoofer não há uma regra para o posicionamento, mas o ideal para se ter um grave mais natural é de que ele esteja em contato com o chão. “Não é recomendado trocá-las de lugar, pois isso altera a fidelidade do que você está assistindo”, comenta o executivo.

Mas e o espaço para isso tudo? Afinal, nem todas as salas de estar parecem comportar um projeto como esse. O diretor da Prime Home garante que não é necessário que o ambiente tenha uma área mínima. “Não se trata de ter um som alto, mas, sim de qualidade”, salienta. Ele garante que é possível adaptar o design da sala com o design das caixas de som e deixar não só o sistema funcionando perfeitamente como em harmonia com o projeto escolhido pelo cliente.

O preço para poder desfrutar desse conforto é bastante variável. “A partir de R$ 5.000,00 já conseguimos encontrar sistemas de qualidade desenvolvidos por marcas especializadas e com a consultoria de uma empresa de áudio e vídeo”, comenta Marengo. “A consultoria é importante porque muitas vezes o cliente compra os equipamentos em magazines, mas com uma calibragem errada, e acaba não conseguindo atingir a qualidade que gostaria”. Já para uma sala equipada com alta qualidade de som e integrada com os sistemas de iluminação, persianas, climatização, retroprojeção full HD e controle através de tablets, como o iPad ou smartphones, o valor pode chegar aos R$ 100.000,00.


Dicas básicas para posicionar o equipamento
> Deixe todas as caixas apontadas para o local que você estará na hora de assistir o filme.

> As caixas frontais devem (se possível) estar a 1,20m de distância da televisão. Isso irá criar o efeito chamado de “palco sonoro”, que dá a sensação de estar em um show ao vivo.

> Para o subwoofer: faça uma linha imaginária que divide igualmente o ambiente onde fica o sistema. O lado A é onde fica o home theater e o lado B é onde está o sofá. O subwoofer deve ficar dentro do lado A e preferencialmente no chão. Deste modo as ondas sonoras não ficam presas e podem atravessar o ambiente até chegar em você. Para melhorar essa travessia, especialistas recomendam uma superfície “felpuda”. O tapete é a alternativa mais usada.

> Uma dica que é um tanto curiosa, mas recomendada por especialistas, é que você coloque o subwoofer onde você vai sentar na hora de assistir algo, e ligue o aparelho. Tendo feito isso, ande agachado ou engatinhe pela sala. O lugar onde você julgar que o grave está melhor é onde você deve posicionar o aparelho.

Fonte: Prime Home

Leia mais
>> Casa com cinema particular
>> Qual é a melhor TV: plasma ou LCD?
>> Cinema versátil na sala de casa
>> Dicas para escolher um home theater
>> Como fazer um isolamento acústico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.