19/01/2016

Espaço de trabalho deve ser organizado

Confira dicas para deixar o ambiente de trabalho em casa organizado

Fonte: ZAP em Casa

Levar trabalho para casa é uma rotina para muitas pessoas. Necessidade ou preferência, não importa o motivo: realizar tarefas importantes em um espaço confortável e planejado é muito mais agradável e saudável. Mas para criar um escritório dentro de casa ou um home office, como vem sendo chamado ultimamente, é preciso planejamento.

O dono da casa precisa primeiro definir em que local da construção pretende instalar o escritório. “É preciso haver um espaço disponível na residência que realmente esteja de acordo com as necessidades de quem vai usá-lo”, explica a arquiteta Cris Negreira, do Estúdio On. “É preciso verificar se o dono gosta de mais ou menos silêncio, se prefere ficar isolado ou perto da área social da casa e se gosta de ambientes bem iluminados”, afirma. Se o espaço vier a ser usado por mais de uma pessoa, será preciso conjugar as preferências de ambas para torná-lo funcional e aconchegante.

Transformação – Cris destaca que qualquer espaço pode dar lugar a um home office. “Neste caso (que ilustra a reportagem), transformamos um corredor de quase dois metros de largura por quatro de comprimento que dava acesso à parte dos fundos de uma casa em um escritório. No lugar da porta colocamos uma janela e abrimos uma porta do lado oposto para dar acesso à sala de estar da casa”, conta Cris. “A bancada é comprida para ser usada por mais de uma pessoa.”

O ambiente escolhido para a instalação do escritório deve ter estrutura para comportar os equipamentos necessários. “O local deve ter instalação elétrica ou que possibilite levar a fiação de outras partes da casa até o escritório”, ensina a arquiteta Paula Mattar. “Geralmente a solução usada é concentrar as tomadas sob a mesa ou atrás do mobiliário para o visual do local ficar mais discreto.”

A arquiteta Valéria Goldenberg Bartholi concorda que vários tipos de ambientes podem ser transformados em um escritório. “A marcenaria e os tipos de móveis ajudam muito nesse processo, pois é possível embutir as instalações elétricas e criar vários espaços em armários para guardar documentos e equipamentos”, diz ela, que, junto com Carla Azevedo, é autora do projeto que ilustra a capa desta edição.

É importante que o local escolhido não fique em setores da casa onde circulam muitas pessoas ao longo do dia nem localizado entre dois cômodos para não servir de passagem. “O local deve proporcionar silêncio e isolamento pelo menos em alguns momentos do dia”, afirma Carla. Além de sossegado, o escritório deve ser confortável para quem o usa. “Não é preciso fazer uma réplica de escritório em casa. O local deve ser agradável e com a cara do dono”, diz.

Ambiente projetado pela arquiteta Cris Negreira (Foto: Divulgação)
Ambiente projetado pela arquiteta Cris Negreira (Foto: Divulgação)

LEIA MAIS:

Home office deve ter perfil do cliente

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.