18/01/2010

Fechado ou aberto, varanda assume diferentes papéis: de área de lazer a extensão da sala

Fonte: O Globo
Varandas incrementadas - Varanda decorada pela arquiteta Emília
Varandas incrementadas - Varanda decorada pela arquiteta Emília

No verão, não tem espaço mais disputado num apartamento do que a varanda, seja por causa do calorão ou da vista privilegiada. Não é à toa que os arquitetos dispensam uma atenção especial a esse cantinho da casa, transformando-o numa extensão da sala – daí a moda, cercada de polêmica, de fechar todo o ambiente com vidro. Quando há mais espaço, as varandas fazem as vezes de uma área de lazer, com itens como piscina e churrasqueira.

Antes de pensar em fechar a varanda com vidros, no entanto, o morador deve estar atento às regras de condomínio: é necessária a aprovação dos condôminos, da forma como prevê a convenção do prédio. Se a convenção não mencionar o assunto, a decisão se dará pela maioria dos votos dos moradores, em assembleia. E quando a convenção proíbe o fechamento da varanda, só se pode alterá-la mediante o voto de dois terços dos condôminos. Quem optar pelo fechamento deve, ainda, legalizar a mudança na prefeitura, que cobrará contrapartida financeira.

Com a intenção de dar um ar tropical à varanda de um apartamento dúplex, na Barra, a arquiteta Emmília Cardoso lançou mão de móveis de madeira e fibras naturais. A mesa redonda, de concreto, importada da Indonésia, ganhou cadeiras com detalhas de bambu. A parede de tijolinhos pintados de amarelo ajuda a montar um cenário colorido com estampas de flores e listras.

A decoradora Solange Medina quis fazer da varanda de um imóvel na Avenida Vieira um prolongamento da sala. Até o piso usado nos dois ambientes, um mármore, foi o mesmo. Para que pudesse decorar com móveis feitos com o mesmo material dos utilizados na sala, o espaço foi fechado com vidro, ficando protegido da maresia e do vento. Além disso, ela escolheu algumas peças marcantes, como uma mesa de centro com pés de terracota e um tapete paquistanês.

LEIA MAIS:

PREPARE SUA CASA PARA O BICHO DE ESTIMAÇÃO

DICAS PARA MONTAR UM JARDIM EM CASA

RECICLAR NÃO É BICHO DE SETE CABEÇAS 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.