27/05/2009

FGTS investe R$ 11 bilhões em obras

Fonte: Jornal da Tarde

A escassez de crédito que atingiu o Brasil no fim de 2008, por causa da crise mundial, acelerou os investimentos do recém-criado Fundo de Investimentos (FI) do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Em pouco menos de um ano, entre junho de 2008 e maio deste ano, foram desembolsados R$ 11,4 bilhões do fundo para aplicação em várias obras de infraestrutura, dos quais 58,5% foram para a área de energia elétrica. Outros R$ 4,1 bilhões poderão ser destinados em breve a outros projetos já aprovados, mas cuja formalização ainda não saiu do papel.

?Tivemos grande procura dos empresários e ainda estamos recebendo muitos projetos para analisar?,disse, à Agência Estado, o vice-presidente de Ativos de Terceiros da Caixa Econômica Federal, Bolivar Tarragó Moura Neto – a Caixa é gestora do fundo. Já somam, portanto, R$ 15,5 bilhões as aplicações financeiras do FI-FGTS e já estão batendo no teto de investimentos do fundo, que é R$ 17 bilhões.

Moura Neto admitiu que, a continuar esse ritmo de investimentos, é possível que ?em breve? o governo discuta uma alteração na lei para ampliar esse limite de investimentos. O FI-FGTS foi criado, por medida provisória (MP), em janeiro de 2007, como uma das ações do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para financiar obras de infraestrutura. Em seu artigo 2º, a Lei 11.491 – que decorreu da MP – limita a aplicação total do fundo a até 80% patrimônio líquido do FGTS registrado em 2006, o que significa R$ 17 bilhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.