10/10/2012

Financiamento de móveis e eletrodomésticos é a nova vedete entre os bancos

Fonte: ZAP Imóveis

Bancos têm lançado serviços com cartões específicos para o financiamento de móveis, eletrodomésticos e até eletrônicos

Com o crescimento do mercado imobiliário nos últimos anos e a popularização do programa federal Minha Casa, Minha Vida, os setores de móveis, eletrodomésticos e até eletrônicos pegaram carona na alta e também viram a demanda aumentar.

E, de olho nesta fatia do mercado, os bancos não perderam tempo e lançaram cartões específicos para o financiamento de produtos destes segmentos.

Desde o dia 1º deste mês, a Caixa Econômica Federal comercializa o Moveiscard, um cartão para financiamento de móveis, eletrodomésticos e eletroeletrônicos e que pode ser utilizado em diversas lojas credenciadas em todo o país.

Financiamento de móveis e eletrodomésticos é a nova vedete entre os bancos
Móveis e eletrodomésticos podem ser adquiridos em diversas lojas credenciadas do país (Foto: Banco de imagens / Think Stock)

O cartão financia até 100% do bem a ser adquirido, com prazo de até 60 meses, sendo dois meses de utilização e 58 meses de amortização, com taxas de juros que variam de 0,90% a 1,80% ao mês.

Para ter acesso ao Moveiscard, o interessado deve se dirigir a uma agência da Caixa e apresentar documento de identidade, CPF, comprovante de renda e endereço. A utilização dos recursos será feita por meio de um cartão e o pagamento das prestações será em débito em conta.

Já o Itaú Unibanco, desde 2011, oferece a seus clientes o Construshop, o plástico financia até R$ 300 mil e pode ser usado para pagar qualquer item adquirido em estabelecimentos de construção, móveis e decoração que aceitem Mastercard Débito.

A instituição financeira dispõe do serviço, porém, apenas para correntistas, que têm até seis meses para fazer suas compras. Nesse período, serão cobrados somente os juros das compras realizadas. Após esse prazo, são até 54 meses para pagar. As taxas são a partir 2,39% ao mês, sem cobrança de tarifas.

Financiamento de móveis e eletrodomésticos é a nova vedete entre os bancos
Juros dos cartões para este tipo de financiamento variam de 0,90% a 2,39% ao mês, dependendo do correntista (Foto: Banco de imagens / Think Stock)

O banco ainda informa, por meio da sua assessoria, que caso seja necessário um novo limite, o cliente poderá contratar outro financiamento e utilizar o mesmo cartão, uma vez que o serviço tem uma validade de cinco anos.

Em busca desse novo nicho, o Banco do Brasil conta com o cartão Ourocard Crediário, que oferece vantagens como o parcelamento em até 48 vezes das compras realizadas diretamente nas lojas, sem impactar o limite do cartão de crédito.

Uma das exigências do banco estatal, que permite comprar qualquer tipo de bem e serviço, exceto veículos, é que o débito das parcelas ocorra diretamente na conta corrente. Os juros variam de 1,88% a 1,95% ao mês, dependendo do número de parcelas.

Os bancos Santander e Bradesco não contam com nenhum serviço similar, enquanto o HSBC não respondeu até o encerramento desta reportagem.

43 Comentários

  1. ESTAMOS DANDO UM GRANDE PASSO ,COM ESSAS VANTAGENS,ANTES ERA DIFICIL TER MESMO UMA CASA,QUANTO MAIS MOBILIAR,AGORA COM ESSAS FACILIDADES E TUDO DE BOM POIS AUMENTA A QUANTIDADE DE PRESTAÇÕES,DEIXANDO O VALOR DA PARCELA ACESSIVEL SEM COMPREMETER O VALOR DO FINANCIAMENTO DA CASA,E UM GRANDE AVANÇO PARA SOCIEDADE,ENFIM CHEGAMOS A ERA DA POSSIBILIDADE.

  2. Infelizmente o banco do Povo, Caixa Federal e o Estatal, Bco do Brasil,oferecem essas condições somente para ricos. Eu tenho 60 anos, sou aposentada com o mínimo, mas tenho outras fontes de rendas comprovadas e, não consigo tirar nem um tostão. Esse tipo de conversa no Brasil, é como o próprio País….NÃO FUNCIONAAAAAA!!!!!

  3. Idéia maravilhosa,pois estou querendo substituir os meus móveis mas estava com dúvidas mas agora vejo esta ótima possibilidade

  4. tem um moteu mas nao tenho escritura aida mas estava presizado de fazer um finaciamento tem como fazer so com cnp estava presizado de construir mais quartos

  5. Achei a idéia sensacional, mas sou autonoma como adquirir esse tipo de emprestimo´pe CEF? desde ja meu muito obrigada.

  6. pq os bancos pedi muito comprovantes de reda sobre um financiamento eles ja tem uma garantia que e o imoveis que a pessoa comprou ??????????????

  7. ótimo, muito bom.que pena que meu BANCO BRADESCO ainda não tem preciso de um para MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO,urgenteeeeee………….

  8. Gostei muito da idéia, ja comprei um apartamento sera entregue em janeiro de 2014 e vou sim adquirir o cartao para fazer a mobilia do meu ap.

  9. O que ninguém fala é que, as instituições financeiras estão abarrotadas de dinheiro, e podem se dar portanto a emprestar e financiar qualquer produto, seja bens de consumoduráveis, de produção, imóveis, etc.O que não se comenta é a txa de juros cobrada pelos bancos, que como todos sabemos são exorbitantes. Infelizmente é mais uma forma de lesar a “nova classe média”,iludindo pessoas simples com a possibilidade de ter o que não precisam de fato e direito. PAZ E BEM À TODOS

  10. Uma idéia inovadora!!! e eu estou querendo comprar um imóvel para mim. Mas em Aracaju que é lá que eu moro. Obrigada pela informação.

  11. Péssima idéia,se vc calcular direitinho no final vai pagar móveis para 3 ou 4 casas.Abram bem os olhos e o raciocinio antes de financiar qq coisa.

  12. Gente, nem tudo é o que parece, antes de utilizar esse tipo de crédito para financiamento de imóveis, verifique com seu advogado, com outro banco, ou alguma imobiliária. É, de fato, um tiro no pé. Para imóveis, fale com o gerente imbiliário do seu banco, ou fale com um corretor que entenda do assunto, e possa conseguir boas taxas. Boa sorte a todos.

  13. FAÇO MINHAS AS PALAVRAS DAQUELES QUE DUVIDAM DAS CHAMADAS “FACILIDADES” CRIADAS PELOS BANCOS NO BRASIL. UMA COISA É CERTA, ESTÃO MESMO ABARROTADOS DE DINHEIRO, TBM PUDERA, PAGAM UMA MISÉRIA DE CORREÇÃO NAS POUPANÇAS E INVESTIMENTOS EM GERAL E POR OUTRO LADO, COBBRAM TAXAS ESTRATOSFÉRICAS DE JUROS EM TUDO QUE FINANCIAM…SE FOSSEM TÃO BONZINHOS, DEVERIAM TAXAR PELO MESMO PATAMAR QUE PAGAM DE CORREÇÃO NAS POUPANÇAS, POR EXEMPLO. BANCOS E BANQUEIROS E GOVERNO, NÃO SOMAM…MULTIPLICAM ! PRESTEM MUITA ATENÇÃO…! GRATO

  14. É preciso comparar com as taxas e os prazos da loja que vende os produtos. Muitas vezes é mais vantajoso pagar em menos parcelas e um valor final menor ou próximo do à vista

  15. um juros absurdo,essa taxa de 1.95 ao mes significa 24%ao ano,sendo que a poupança rende 7% ao ano,ou seja,se pegar 100,000,00 vai pagar no minimo,125,000,00 de juros em 60 parcelas,portanto cuidado,por outro lado se for pegar pra compra da casa propria ,vale apena,pois o imovel tambem vai valorizar nesse periodo.

  16. Estou encantada e Feliz com suas informações, venho de cidade pequena e todas as informações são de grande valia,creia que abre-nos um leque de oportunidades. O trabalho de vocês é realmente eficientíssimo.

  17. GOSTARIA MUITO DE PODER FAZER PART E DE ALGUMA DESAS VANTAGENS ALGUM DIA. E VAI SER TUDO COM MAIS VANTAGENS PARA A POPULAÇÃO DE MÉDIO PORTE.

  18. A matéria está falando de móveis ou de imóveis?A maioria dos comentários se referem à imóveis, mas a matéria aborda a aquisição de móveis. Acho que a maioria não entendeu direito.A idéia é, sem dúvida, muito interessante, mas os obstáculos que estes mesmos bancos (bonzinhos na matéria) colocam para clientes e lojistas, tornam a idéia apenas interessante. Concordo com a Sra Angela quando comentou que “é como o próprio País….NÃO FUNCIONAAAAAA!!!!! É só fachada!!!!! É só pra inglês ver!!!!!

  19. gostaria de ter um , mas ñ possuo conta em bancos! somente na caixa economica! será q posso fazer? ah e tenho casa propria, quero só comprar móveis, posso?Será que posso fazer o cartão?

  20. Oi sou casada e estou iniciando um processo de financiamento de construção de um imóvel mas antes de casar tive algumas restrições com financeira fiz dois empréstimo e não consegui pagar a. divida prescreveu e não costa nenhuma pendência no meu spf mas estou com receio que isso possa atrapalhar .meu marido nunca teve problemas com dívidas tem alguma coisa que posso fazer para isso não acontecer.

  21. Olá, Ivanete! Como está? Sugerimos que procure as instituições citadas na matéria e veja as ofertas e condições. Se precisar de alguma informação sobre venda ou locação de imóvel, estamos aqui! 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.