13/04/2007

Galpões dificilmente ficam vagos

Fonte: Jornal da Tarde

Para investir em galpões industriais é preciso levar em conta que o mercado é vasto para todos os bolsos e a rentabilidade gira em torno de 15% a 18% ao ano.Isso é o que ganha quem constrói o imóvel de acordo com as especificações atuais para a demanda existente. Ou seja, tem de ter pé direito alto, piso com capacidade para agüentar grandes quantidades de carga e uma quantidade razoável de docas (local onde o caminhão encosta para descarregar e carregar as mercadorias). Outro ponto que oferece versatilidade ao imóvel e pode ser um diferencial na hora de negociar é a construção modular – que permite alterar o espaço de acordo com a necessidade do ocupante.

O diretor de vendas da consultoria Jones Lang LaSalle, Pedro Candreva, enfatiza que, com a construção nos moldes adequados, esses imóveis não sofrem com vacância de inquilinos. “A maioria dos galpões são alugados durante a fase de construção e alguns são feitos sob medida para os locadores.”

A renda que esse tipo de imóvel oferece é a locação. Mas, diferente de imóveis tradicionais, eles têm a vantagem de contratos longos – de cinco a dez anos – e com percentual de lucro mais alto que o aluguel residencial.

Por que investir em galpões?

Existem grande demanda e escassez de ofertas

O mercado é vasto para todos os bolsos e comporta imóveis de 1 mil a 150 mil m2

A rentabilidade varia de 15% a 18% ao ano

A maioria dos galpões, construídos nos padrões adequados, são alugados ainda durante a fase de construção

O prazo do contrato de locação é mais amplo – de 5 a 10 anos, podendo chegar até a 20 anos

Imóvel pode ser construído de acordo com a necessidade do ocupante

O percentual cobrado pelo aluguel do galpão é de 1,2% a 1,5% do valor do imóvel ao mês, enquanto que, com residências, varia entre 0,6% a 0,8%

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.