30/03/2009

Governo aprova redução de IPI para materiais de construção

Fonte: Editoria Zap

Medida anunciada hoje pelo Governo Federal vai reduzir o preço dos produtos de 5% a 8%

O Governo Federal anunciou hoje a tão esperada redução de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para 30 itens de material de construção, válida a partir de 1º de abril por três meses.

O presidente da Anamaco, Cláudio Conz, participou da solenidade de anúncio das medidas e comemorou a desoneração. “Apesar de temporária, essa redução de impostos já traz efeitos imediatos para o setor, diminuindo o preço dos produtos beneficiados de 5% a 8% para o consumidor final. Esperamos, com isso, uma recuperação nas vendas que, no primeiro bimestre de 2009, na comparação com o mesmo período do ano passado, caíram 12%”, declara Conz.

Segundo o presidente da Anamaco, as medidas anunciadas hoje complementam as reivindicações da cadeia produtiva e estimulam a construção auto-gerida, que é responsável por 77% do consumo dos materiais de construção no país. “O Brasil é construído pelos milhões de brasileiros que contratam um arquiteto e um engenheiro e gerenciam a sua própria obra. Um estudo da Anamaco desenvolvido em parceria com a Latin Panel revelou que dois terços das residências do país necessitam efetivamente de algum tipo de reforma e essa redução de IPI vem, sobretudo, facilitar esse acesso aos materiais, sobretudo à população de menor poder aquisitivo”, completa.
 
EM 2009 – Em função dos índices do setor no primeiro bimestre do ano, a Anamaco teve que rever a sua expectativa de desempenho para 2009, que antes previa um crescimento de 8,5% sobre 2008. “As vendas em janeiro e fevereiro ficaram aquém do que estávamos esperando e, em função disso, tivemos que readequar a nossa perspectiva para o ano. Mas continuamos falando em crescimento, mas de 5% em 2009, o que para nós será um grande feito, pois estamos vindo de 4 anos de um bom crescimento consecutivo”, explica Conz.

Em 2008, o varejo de material de construção cresceu 9,5% sobre 2007, com faturamento de R$ 43,23 bilhões. 
 
ZERO: Confira a relação de produtos que tiveram IPI reduzido. A redução é válida por três meses.
Cimentos aplicados na construção
Tintas  e vernizes dos tipos aplicado na construção
Massa de vidraceiro
Indutos utilizados em pintura
Revestimentos não refratários do tipo dos utilizados em alvenaria
Aditivos preparados para cimentos, argamassas ou concretos
Argamassas e concretos para construção
Banheiras, boxes para chuveiros, pias e lavatórios de plástico
Assentos e tampas, de sanitários de plástico
Caixas de descarga e artigos semelhantes para usos sanitários ou higiênicos, de plásticos
Pias, lavatórios, colunas para lavatórios, banheiras, bidês, sanitários, caixas de descarga, mictórios de porcelana
Pias, lavatórios, colunas para lavatórios, banheiras, bidês de cerâmica
Grades e redes de aço, não revestidas, para estruturas ou obras de concreto armado ou argamassa armada
Outras grades e redes de aço, não revestidas, para estruturas ou obras de concreto armado ou argamassa  armada
Pias e lavatórios, de aços inoxidáveis
Outras fechaduras; ferrolhos
Partes Cadeados, fechaduras e ferrolhos
Dobradiças de qualquer tipo (incluídos os gonzos e as charneiras)
Outras guarnições, ferragens e artigos semelhantes para construções 
Válvulas para escoamento
Outros dispositivos dos tipos utilizados em banheiros ou cozinhas
Disjuntores
Chuveiro elétrico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.