21/09/2007

Imóvel pode ter variação de 20%

Fonte: Jornal da Tarde

Enquanto um apartamento de três dormitórios e 80 metros quadrados de área útil com apenas uma vaga de garagem na Mooca, Zona Leste de São Paulo, custa por volta de R$ 210 mil, um outro imóvel, no mesmo bairro, perfil e tamanho semelhantes, só que com duas vagas de garagem vale R$ 260 mil. A comparação, feita pela gerente de locação e vendas da Lello Imóveis, Roseli Hernandes, é real e demonstra que uma vaga de garagem pode valorizar ou desvalorizar o imóvel em pelo menos 20%.

“Os prédios estão sendo muito valorizados de acordo com o número de vagas. Nesse caso (o do exemplo), os dois imóveis foram entregues na mesma época. Isso mostra que o fato de ter uma vaga a mais melhorou muito o nível do imóvel”, afirma Roseli.

Segundo ela, a valorização financeira proporcionada pela garagem é reflexo da importância que ela tem no mercado de compra e venda de imóveis. “A vaga de garagem pesa muito na hora de decidir. Em muitos casos, o cliente acha o imóvel um excelente negócio e quer comprá-lo. Mas, quando vê que falta uma vaga, desiste”, afirma a gerente da Lello.

Mais do que uma comodidade, o espaço para estacionamento no subsolo do prédio não deixa de ser um investimento. Caso ele fique ocioso um dia, é possível locá-lo a outro morador, algo bem comum hoje.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.