01/06/2007

Inadimplência está em baixa

Fonte: Jornal da Tarde

Embora ainda seja muito temida por todos os locadores, a inadimplência com aluguéis vem caindo nos últimos meses na Capital. Segundo dados do Conselho Regional de Corretores de Imóveis de São Paulo (Creci-SP), que consulta 455 imobiliárias da cidade, apenas 5,85% dos seus inquilinos estavam em débito com as mensalidades no mês de abril. Este percentual é 1,82% inferior ao índice registrado em março.

Também houve redução do número de de ações judiciais propostas nos Fóruns da cidade. Foram 1.890 ações no total em abril, 22,51% a menos que as 2.439 ajuizadas em março. A percentual de imóveis devolvidos seguiu a trajetória de queda (2,1%) em comparação com o mesmo mês.

De acordo com estatísticas do Creci-SP sobre ações de despejo,as ações consignatórias, ou seja, quando há divergência entre locatário e locador sobre o valor do aluguel, tiveram redução de 47,83%. Já as renovatórias dos contratos de locação baixaram 49,23%, enquanto as por falta de pagamento caíram 20,37%, de 2.175 em março para 1.732 em abril. Essas são as últimas estatísticas divulgadas pelo órgão.

Mesmo sendo considerado um modelo ultrapassado, a garantia representada pelo fiador nos contratos de locação de imóveis ainda predomina no mercado imobiliário da cidade. Dos imóveis alugados na Capital, 53,43% fizeram uso da figura do fiador como forma de garantia de pagamento. Outros 31,05% optaram pelo depósito de valor equivalente a três meses de locação e 15,52% recorreram ao seguro-fiança.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.