07/11/2008

Lar, eco lar

Fonte: Globo online

Há opções de peças e artigos para casa orgânicos e naturais

DivulgaçãoZap o especialista em imóveis

Rio de Janeiro – Se você pensa no futuro do planeta e é consciente de que os recursos naturais são finitos, vale a pena ficar atento à diversidade de peças de decoração e de produtos usados no dia-a-dia de uma casa desenvolvidos para não agredir o meio ambiente. Afinal, nossas escolhas fazem toda a diferença.

Para seguir os preceitos ecológicos, o mercado vem se adequando aos novos tempos. É possível dar preferência à madeira de reflorestamentos com selo de origem, substituir o uso do cedro, mogno e peroba pela pupunha e zorite, um composto de celulose e resina, substituir metais cromados de algumas peças, que poluem o meio ambiente durante o processo de fabricação, pelo aço inox e alumínio polido. No mercado há ainda taPETs, feitos de garrafas plásticas , lençóis, fronhas e cobertores de algodão orgânicos, tintas e produtos de limpeza feitos com matéria-prima natural e colchões de fibras de bambu e ainda livres ou com pouca quantidade de produtos químicos como os éteres difenil polibrominato (PBDEs), que evitam a propagação do fogo em caso de incêndio.

No livro “Eco Chic Salvando o Planeta com Estilo”, a autora Cristie Matheson traz várias dicas de como tornar seu lar mais ecológico. Não faltam opções bem bacanas, às vezes, até são mais caras que convencionais. Aí é pensar no custo benefício de cada item. 

Entre os materiais de limpeza, por exemplo, há produtos que são concentrados e rendem mais que os convencionais. Usam embalagens recicláveis, são biodegradáveis e mais saudáveis para o corpo humano. A Biowash, por exemplo, oferece uma linha completa de materiais de limpeza à base de óleos de coco saponificado e aloe como coadjuvante – conquistou o selo de Ingredientes Naturais do Instituto Biodinâmico. Já os materiais convencionais, em sua maioria, são oriundos do petróleo, uma fonte não-renovável, cujo processo de produção emite gases ou possuem ingredientes químicos nocivos como formol, cloro, amônia e fosfatos, que podem danificar os sistemas de água. A empresa Ypê também conta com produtos fabricados com matéria-prima biodegradável e seus resíduos de seu processo produtivo são naturalmente decompostos.

A Astória Papéis desenvolve produtos ecológicos como papel higiênico, toalhas de cozinha e guardanapos. São 100% de fibras recicladas, que passa por um processo de depuração. As embalagens com 90 metros evita o descarte três vezes menor de embalagems plásticas no meio ambiente, reduzindo em 1/3 a emissão de CO2 na atmosfera.

Entre as dicas do livro “Eco Chic Salvando o Planeta com Estilo”, Cristie alerta para quem está cobrando uma nova cortina para o banheiro que evite o PVC e dê preferência às de algodão orgânico e recomenda aquelas com fios bem apertados para que resistam mais à água. Outra opção que ela indica são as de linho por serem mais resistente ao mofo. Os dois modelos podem ser lavados. Em último caso, a autora sugere a cortina de náilon tipo lona, que também é feita à base de petróleo e seu processo de produção tem uso intenso de energia, mas em compensação a durabilidade é bem maior que a de PVC.

Se estiver para pintar sua casa ou pensando em mudar o visual de algum móvel, vale pesquisar as tintas naturais e ecológicas que não têm o petróleo como base. As tintas convencionais, em geral, contêm em suas fórmulas formaldeído, tolueno e benzeno. Além disso, o processo de fabricação produz lixo tóxico. No Brasil, há pelo menos três empresas que fabricam tintas ecológicas para fins variados e sem metais pesados: Ecocasa, Weg e Instituto para o Desenvolvimento da Habitação Ecológica (Idhe). Elas não têm odor, não liberam compostos orgânicos voláteis (Cov), não contaminam a água, o solo e atmosfera quando descartadas.

Enfim, é possível ter um lar mais saudável e ecológico. A mudança no processo industrial de vários artigos é significativa: a onda verde não é um mero modismo e tem tudo para emplacar.

Serviço:
Astória papéis – www.astoriapapeis.com.br
Ecocasa – www.ecocasa.com.br
Idhea – www.idhea.com.br
Weg – www.weg.net/br
Cassiopéia – www.cassiopeiaonline.com.br
Ypê – www.ype.ind.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.