27/02/2013

Locações residenciais crescem 19% em SP em 2012

Segundo a Lello, 50% dos imóveis alugados no ano passado foram de dois dormitórios e o fiador respondeu por 60% dos contratos

Fonte: ZAP Imóveis

50% dos imóveis alugados no ano passado foram de dois dormitórios; fiador respondeu por 60% dos contratos; imóveis menores tem velocidade de locação maior, aponta a Lello

Locações residenciais crescem 19% em SP em 2012
Valor médio dos novos aluguéis ficou em R$ 2 mil

O número de novos contratos de aluguel residencial na cidade de São Paulo cresceu 19% em 2012 na comparação com o ano anterior. Segundo levantamento da Lello, do total de casas e apartamentos alugados no ano passado 55% foram de dois dormitórios, 25% de um dormitório e 25% com três ou mais dormitórios. O valor médio dos novos aluguéis ficou em R$ 2 mil.

As unidades mais procuradas foram aquelas situadas em locais de fácil acesso a serviços e transporte, preferencialmente próximas a metrôs, bem como aquelas perto do trabalho dos inquilinos e de escolas.

Ainda segundo a administradora, a velocidade média para locação de imóveis de um e dois dormitórios ficou entre 15 e 24 dias da disponibilização da unidade. Já as casas e apartamentos de três dormitórios levaram cerca de 40 dias para serem alugados e os imóveis de quatro dormitórios, mais de dois meses.

O fiador, única forma gratuita de garantia, respondeu por 60% dos novos contratos de aluguel em 2012. Outros 24% tiveram como garantia o seguro-fiança, enquanto a caução respondeu por 11% das novas locações em São Paulo. “Foi um ano muito movimentado e deve continuar assim em 2013. A procura por imóveis para locação foi expressiva já em janeiro”, diz Roseli Hernandes, diretora comercial da Lello Imóveis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.