25/04/2011

Móbiles e pendentes estão na moda. Saiba como usá-los em cada cômodo

Fonte: Jornal Extra

Com a diminuição do tamanho das moradias modernas, a arte de aproveitar os espaços se tornou cada vez mais imprescindível. Na luta por uma casa aconchegante e bonita, os arquitetos encontraram mais um aliado: o teto. Necessidade ou não, a moda agora é a decoração dos pendurados.

Pendentes devem ficar em cantos da casa e, se possível, perto de janelas (Foto: Wania Corredo)
Pendentes devem ficar em cantos da casa e, se possível, perto de janelas (Foto: Wania Corredo)

Antes restritos aos quartos de bebês e crianças, os móbiles e pendentes já ocupam as prateleiras de diversas lojas de decoração, e viraram febre em todo o mundo. Eles podem ser usados em escritórios, quartos e salas. É preciso levar em conta o cômodo onde serão colocados para escolher a peça certa.

“Na sala, geralmente, são usados pendentes. Eles devem destacar algum ponto da decoração”, afirma a arquiteta Patrícia Agostini.

Sabe aquele canto com uma mesinha praticamente esquecida? Que tal dar uma dose extra de vida a ele?

“Escolher cantos perto da janela também é bacana, pois o vento dá movimento ao pendente”, aconselha a arquiteta Julia Mallemomt.

No quarto, os objetos de decoração também podem servir para iluminar. Além dos móbiles, que ficam lindos em qualquer lugar, aquela luminária que está colada no alto do teto pode ganhar destaque. Colocá-la pendurada sobre as mesinhas de cabeceira é o mais indicado.

Para os escritórios, as luminárias rebaixadas criam um visual diferente e prático. A única regra para os pendurados é ter cuidado com a altura e o local, para não incomodar a passagem. E, claro, seguir o estilo do ambiente.

LEIA MAIS:

Decoração à prova da estripulia adolescente

Decoração do Mais Você sempre na moda

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.