09/09/2009

Morumbi e Moema são os bairros mais caros

Fonte: Jornal da Tarde

Quem mora nos bairros do Morumbi e Moema, ambos na zona sul da capital paulista, paga o valor de condomínio mais alto da cidade, com média de R$ 637 por mês. “As duas regiões concentram condomínios de alto padrão, sendo que muitos têm vários blocos, com extensas áreas de lazer”, explica Angélica Arbex, gerente de marketing da Lello Condomínio, que foi responsável pelo levantamento.

A despesa mensal dos condomínios, segundo Angélica, não significa necessariamente que o valor das quotas condominiais das regiões que têm mais gastos serão os mais altos. “Isso depende do número de unidades que cada empreendimento possui”, afirma.

O quadro de funcionários é a principal explicação para as oscilações de despesas. A pesquisa mostra que 40% do dinheiro arrecadado por meio das cotas mensais vai para a folha de funcionários. “Esse é um porcentual equilibrado para este tipo de gasto”, diz.

Outros 25% da verba são para água, luz e gás, enquanto 15% são destinados para manutenção geral (elevadores e instalações elétricas). Já as despesas administrativas, como pagamento da empresa administradora, banco, seguro e impostos, cobrem 15% dos recursos. Os outros 5% são para um fundo de reserva, geralmente para casos de inadimplência.Além do controle no quadro de funcionários, Angélica sugere o uso racional da água para quem quer economizar um trocado com o pagamento do condomínio.

PREÇO ALTO – Quem mora nos bairros do Morumbi e Moema paga, em média, R$ 637 de condomínio por mês, o valor mais alto da cidade;

Em seguida vêm os moradores do Jardins, que desembolsam mensalmente R$ 631;

Na sequência estão Perdizes com R$ 548, Tatuapé com R$ 463 e Santana com R$ 444;

Por fim, aparecem Vila Mariana com R$ 425 e Mooca com R$ 407.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.