23/04/2009

Mostra paralela ao Salão de Móveis de Milão exibe produtos brasileiros

Fonte: Globo online

Inspirados no conceito de sustentabilidade, designers brasileiros renomados apresentam suas obras na amostra paralela em Milão

Fotos: DivulgaçãoCadeira sustentável e com design contemporâneo

Rio de Janeiro – Das sobras de madeira do Norte e Nordeste do Brasil são feitos objetos de decoração com desenhos inovadores e ecologicamente corretos. Inspirados no conceito de sustentabilidade, designers renomados internacionalmente criaram poltronas, mesas, cadeiras e luminárias para incrementar o visual. Os novos trabalhos estão em exibição na mostra paralela do 48º Salão do Móvel de Milão, que começou nesta quarta-feira, 26 de abril, na Itália dentro do Floresta Móbile, programa do Conselho Euro-Brasileiro de Desenvolvimento Sustentável (Eubra). Todas as peças foram produzidas por pequenos artesãos e marceneiros e fazem parte das coleções Clima, Paisagem Brasileira e Capirinha com Pizza.

“Todos esses trabalhos trazem um desenho perfeito e podem ser inseridos nas decorações de todos os lares urbanos. Os designers estão usando materiais reaproveitáveis sem perder a atenção com o visual contemporâneo do mobiliário”, diz a proprietária da Zona D, Andréa Elagi, que vende alguns dos produtos da mostra.

Cadeira Kioto, peça ecologicamente correta

As luminárias de baixo consumo de energia são alguns dos destaques da Coleção Clima. A Cocar, criada pelo estilista e designer Jum Nakao, intercala madeira com retalhos de vidro utilizando LEDs, lâmpadas de baixo consumo energético, e energia solar alternadas. No Brasil, ela já está sendo vendida pela Zona D, em São Paulo, no valor de R$ 3.500. Jum ressalta a importância da reflexão sobre o processo de criação do produto, em detrimento do material que está sendo usado.

“Num momento tão high tech se esquece o processo, importa apenas a velocidade, o tempo. Se esquece que o tempo tudo corrói e vivemos a falta de espessura. É necessário resgatar o tempo e o olhar humanos. Depois do desfile que fiz em 2004 com roupas de papel passei a me dedicar às mudanças. E para que mudanças ocorram é necessário que as pessoas mudem, é importante transformar as pessoas”, diz o estilista e designer Jum Nakao.

Luminária Cocar reduz consumo de energia

Outra peça luminosa que chama a atenção é a Kyoto, desenhada por Robson Oliveira, presidente do Eubra e um dos principais criadores do Floresta Móbile, que usa lâmpadas fluorescentes. Além dos artigos para iluminar a residência, a Clima apresenta opções de objetos de decoração, como o porta-cds inspirado no trabalho do pintor Mauro Reggianni.
 
Na coleção Paisagem Brasileira, os objetos decorativos se contrapõem ao modelo pós-industrial de criação, com o uso eficiente de matérias primas renováveis. É o caso da banqueta Sérgio Rodrigues, projetada pela filha do arquiteto, Verônica Rodrigues, da Mangue Table e da cadeira Orgânica. Já a Coleção Caipirinha com Pizza relança a poltrona Kyoto, peça premiada no ano passado pelo Salão do Móvel em Milão, e o Bar Oscar. O mobiliário da coleção também traz a cadeira Controprogetto, única peça produzida em Milão, com pedaços de madeira descartada e coletada na cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.