20/12/2019

O que é preciso para vender o seu imóvel? Saiba tudo! 

Cada detalhe é importante, mas ter visibilidade com anúncios bem feitos é o principal 

Fonte: ZAP em Casa

Se você acha que consegue vender um imóvel apenas colocando uma plaquinha na porta, está pensando com a cabeça no século passado. Com a internet, as pessoas deixaram até de ir pessoalmente nos endereços, só fazem isso para fechar negócio. Então, o que é preciso para vender o seu imóvel? Ter anúncios on-line, em todas as plataformas possíveis, sites e aplicativos, como o ZAP IMóveis.

Treinador especialista em vendas e palestrante internacional, Marcelo Ortega afirma que o mundo digital é o principal caminho para captar interessados e promover um imóvel. Boas fotos ajudam muito. Alguns sites usam foto-reportagem como recurso de mídia para promover com mais efetividade os principais diferenciais de um imóvel”, aponta. 

o que é preciso para vender o seu imóvel
Foto: Shutterstock

Especialista em Conversão por Meios Digitais, Roberta Delunna, que também é corretora de imóveis, treinadora e consultora de imobiliárias nesse setorexplica que o anúncio deve ser completo, inclusive o endereço, para que seja encontrado pelos buscadores com geolocalização.

“Deve conter o maior número de fotos do imóvel, lembrando que as imagens que mais chamam a atenção são a planta do imóvel, o quarto e a cozinha. Outra coisa que não pode faltar é uma descrição rica  em detalhes, inclusive do entorno, citando nomes de escola, hospital, supermercado e rua ou avenida mais conhecida do bairro”.  

Roberta destaca que a internet é a mola propulsora da busca imobiliária hoje no Brasil e em outros países que ele visitou recentemente. Quem não estiver exposto na internet para vender seus imóveis, em um curto espaço de tempo estará morto”, diz, ressaltando o papel dos aplicativos que otimizam ainda mais os anúncios.  

Diretor comercial da construtora Ekko, Roberto Paulo de Farias Junior acredita que textos que fogem do tradicional ao descrever o imóvel são interessantes. Preços coerentes também, de preferência estampados juntamente com o anúncioA internet é fundamental para a venda, cerca de 95% dos clientes procuram moradia pela internet. Os aplicativos também auxiliam na gestão e dão dinamismo na troca de informações”. 
 

Prepare o imóvel 
 

O que é preciso para vender o seu imóvel também é uma boa apresentação. Marcelo Ortega afirma que ele deve estar em ordem, pintado, limpo e arrumado. “Isso determina a velocidade da venda. Um imóvel em mau estado tende a sofrer desinteresse, em especial quando o comprador usa o meio digital, vendo fotos e vídeos”. 

Roberta Delunna concorda. “Se um imóvel está abandonado, desorganizado e sujo, será mais difícil de vender. A primeira impressão das pessoas é o visual, depois o olfato – o imóvel não pode exalar mau odor. Se for limpo, organizado e cheiroso vai atrair mais interessados e garanto que a venda será mais rápida”. 

Mesmo com o imóvel em ordem, já é difícil agregar valor ao bem. Deteriorado ou em desordem, a situação complica, opina Roberto Paulo de Farias Junior. “Se os imóveis que concorrem com o seu estão qualitativamente melhores, com certeza o cliente optará por um em melhores condições”.  

Auxílio de um corretor 

As imobiliárias estão aí para ajudar e já sabem como é melhor anunciar. “Embora muitos proprietários queiram fazer tudo sozinhos, não são especialistas na região e no segmento de venda imobiliária. O corretor ou imobiliária ajudam a determinar o valor justo, captar interessados e proteger o vendedor numa negociação”, detalha Ortega. 

O diretor comercial da construtora Ekko diz que o corretor faz parte da estratégia de vendas. Na minha cabeça, precisamos da tecnologia – internet e aplicativos – aliada ao tradicional trabalho do corretor”.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.